Curitiba Vôlei perdeu na estreia da Superliga. (Diego Wladyka/Curitiba Vôlei)

O Curitiba Vôlei não resistiu ao favorito Sesc-RJ e começou com derrota a sua segunda participação na Superliga Feminina. A partida, que teve as arquibancadas lotadas, terminou em 3 sets a 0 para o time comandado pelo multicampeão Bernardinho, com parciais de 27-25, 25-16 e 25-19.

Em entrevista à Banda B, o técnico Durval Nunes, o Duda, avaliou a partida e lamentou o desequilíbrio em determinados momentos do jogo. “Não dá para falar que vencer o primeiro iria mudar a história do jogo, mas talvez a gente não fosse segurar tanto no segundo set. No segundo set, nós tivemos dois, três momentos de desequilíbrio. Os dois fundamentos que fomos melhores que eles no primeiro set [saque e passe] não conseguimos [ser] no segundo”, disse.

“Uma escorregada contra uma equipe experiente e brigando por título é complicado. Tem que manter a concentração e o nível técnico e tático lá em cima. O Rio não é o confronto direto, mas um termômetro que precisamos nos aproximar”, acrescentou o treinador.

A equipe curitibana já volta à quadra nesta sexta-feira, às 19h30, para enfrentar o Sesi Bauru, no interior de São Paulo. O próximo jogo em casa será na terça-feira (19), às 20h, contra o Osasco/Audax.

Assista ao último ponto da partida