Curitiba Vôlei. (Wander Roberto/Inovafoto/CBV)

Na primeira partida da temporada, o Curitiba Vôlei deu muito trabalho, mas perdeu para o Praia Clube nas quartas de final do Super Vôlei. A partida disputada no Centro de Desenvolvimento do Voleibol (CBV), em Saquarema, terminou em 3 sets a 1 para o time mineiro, com parciais de 25-20, 22-25, 25-23 e 25-15.

O técnico Pedro Moska escalou o Curitiba com a levantadora e capitã Bruninha, as centrais Valeskinha e Lays Freitas, as ponteiras Pietra Jukoski e Milena, a oposta Ivna e a líbero Juju Perdigão. Mari Aquino, Isadora e Júlia também estavam à disposição. Já a ponteira Sassá foi poupada com uma lesão.

Após a queda no Super Vôlei, o Curitiba segue com a preparação para a temporada 2020-2021 da Superliga. A estreia será no dia 09 de novembro, às 19h, contra o Osasco, no Colégio do Positivo Júnior.

O jogo

O Curitiba largou atrás no primeiro set, esboçou reação em alguns pontos, mas não foi o suficiente para evitar a derrota por 25 a 20. Já na segunda parcial, o time curitibano dominou desde o início e chegou a abrir seis pontos de vantagem. O Praia empatou em 20 a 20, mas o Curitiba levou a melhor no momento decisivo e ganhou por 25 a 22.

No terceiro set, o Curitiba seguiu melhor e abriu cinco pontos de frente. Porém, o Praia reagiu em uma boa sequência de saques de Fernanda Garay. O set permaneceu equilibrado até a reta final, mas o time mineiro aproveitou da experiência para fechar em 25 a 23.

Já no quarto set, o Praia Clube dominou desde o primeiro ponto e abriu 10 de vantagem. O técnico Pedro Moska até tentou uma reação com os pedidos de tempo, mas não foi o suficiente. O time de Uberlândia venceu por 25 a 15 e a partida por 3 sets a 1.