Uma união improvável marcou a formação do paredão deste domingo (2). Petrix e Pyong Lee se uniram para direcionar os votos da casa contra Hadson, que recebeu oito votos.

Os dois passaram o dia inteiro conversando para chegar à conclusão de quem eles deveriam enviar para o paredão. A ideia, segundo Petrix, teria partido do hipnólogo. O ginasta chegou a comentar com Guilherme que se Pyong Lee conseguisse os votos necessários ele embarcaria junto.

Pyong e Petrix – Reprodução

Pyong Lee costurou os votos ao longo dia e conseguiu o apoio necessário para por Hadson no paredão. Petrix e Hadson eram parças no começo do jogo, mas os dois têm se distanciado. Percebendo o movimento de Petrix, Hadson também confabulou com seus brothers voto direcionado a Mari González, que recebeu quatro votos (Lucas, Hadson e Felipe, além de Gizelly).

O paredão ficou completo com a indicação de Guilherme em Babu, que pareceu surpreso ao ser indicado. O clima ficou mais tenso quando Tiago Leifert pediu que alguns participantes revelassem seu voto. Thelma e Mari foram as escolhidas a revelarem seu voto. Ao saber do voto de Mari, Felipe quis se manifestar e disparou que havia votado na sister: “Chumbo trocado”.

Petrix indicou Pyong Lee ao paredão na noite deste sábado (1º), após atender ao Big Fone. Na corrida para o telefone, colidiu com o participante e os internautas pediram que o momento fosse revisto pela Rede Globo e providências fossem tomadas. Já Pyong Lee indicou Petrix ao receber o poder por uma votação às cegas do público durante a Prova do Líder.

Pyong Lee, Petrix, Babu e Hadson formam o segundo paredão da 20ª edição do BBB. Na próxima terça-feira (4),  um deles será eliminado. Na mesma data, dois dos quatro participantes da Casa de Vidro vão entrar na casa do BBB.

Será um homem e uma mulher que tiverem o maior número de votos. Estão na disputa Ivy, Renata, Caon e Daniel.