Após ser eliminado de A Fazenda 11, na noite de domingo (1º), Viny Vieira foi informado por uma psicóloga do programa sobre a morte de Gugu Liberato. O humorista é conhecido por sua imitação do apresentador.

Foto: Antonio Chahestian/ Record TV

Em conversa com Marcos Mion no Cabine de Descompressão, da plataforma PlayPlus, Viny lamentou a morte e disse que Gugu foi muito importante na sua carreira. “Eu não estou acreditando ainda, é lamentável […] Ele sempre me tratou super bem pelo meu trabalho como Gluglu. Eu conquistei muita coisa através dessa imitação, desse personagem. Eu devo muita coisa do meu trabalho a ele”, afirmou o humorista.

Ele lembrou que teve a oportunidade de trabalhar com Gugu, fazendo algumas reportagens para o programa do apresentador, que morreu após sofrer uma queda de quatro metros em sua casa em Orlando (EUA), no dia 20 de novembro.

Mion respondeu que foi uma “tragédia muito grande”. “Vai demorar muito para a gente conseguir tratar isso com normalidade”, disse o apresentador de A Fazenda 11.

Viny Vieira deixou A Fazenda 11 com 25,04% dos votos. Ele disputava a preferência do público com Hariany Almeida, que segue na disputa pelo prêmio de R$ 1 milhão.

Ao deixar o reality, o humorista agradeceu a todos que o convidaram a participar do programa, que disse ter sido a experiência mais inusitada já vivenciada por ele. “É completamente diferente do que eu esperava. É fora do comum. Tenho 16 anos de televisão, mas nunca vivi nada parecido”, afirmou.

Morte trágica

O apresentador Gugu Liberato, 60, teve a morte confirmada na noite da última sexta-feira (22) após ele passar dois dias internado em um hospital de Orlando, na Flórida, Estados Unidos, em decorrência de uma queda sofrida em casa. Ele despencou de uma altura de quatro metros, quando fazia um reparo no ar-condicionado instalado no sótão.

Cerca de duas semanas antes do acidente, Gugu foi dado como morto pela rede social da própria emissora, a Record. Na ocasião, ele teve de ir a público confirmar que estava bem. “Pessoal, alguém publicou que eu tive um enfarto. É fake, tá? Estou muito bem, obrigado”, escreveu ele em seu Twitter.

Após a queda sofrida em sua casa, os médicos constaram que o apresentador não apresentava mais atividade cerebral, segundo a nota de falecimento, que não especifica a data exata da morte. Os familiares então autorizaram a doação de todos os seus órgãos, o que poderia beneficiar até 50 pessoas.

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) lamentou a morte do apresentador em suas redes sociais: “O país perde um dos maiores nomes da comunicação televisiva, que por décadas levou informação e alegria aos lares brasileiros. Que Deus o receba de braços abertos e conforte os corações de todos”, disse a mensagem.

Já o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), decretou luto de três dias em razão da morte do apresentador, que ele classificou como “um de seus principais comunicadores”: “O Brasil perde um talento”, afirmou em nota. Já a Assembleia Legislativa ofereceu o salão nobre para a realização do velório.

Gugu Liberato deixa a mulher, Rose Miriam, e três filhos: João Augusto, de 18 anos, e as gêmeas Marina e Sofia.