O episódio no BBB 20 da conversa sobre zoofilia entre Mari Gonzalez e Felipe Prior tem causado danos em pessoas fora da casa. É o caso do ex-participante Jonas, namorado de Mari Gonzalez. Segundo ele, tem recebido até ameaças de pessoas condenando o que sua amada falou na casa. Ambos foram acusados de normalizar o ato.

Reprodução

Em vídeo, em que ele aparece chorando, Jonas defende a namorada do que chama de mal-entendido. “Depois que saiu esse vídeo eu não tenho mais vida. A gente ama animal. Parem de incitar ódio. É um apelo de um namorado que ama a sua mulher e sabe que ela não quis dizer isso”, falou.

Na postagem, Jonas reiterou o seu posicionamento. “Somos a favor do amor, da vida, da saúde, do bem-estar tanto humano quanto dos animais.”

Até Luisa Mell ficou irritada e se posicionou contrária às declarações.

Entenda

Os confinados estavam à beira da piscina, quando o arquiteto contou que muitos de seus colegas de trabalho relataram já ter cometido zoofilia, definida como o envolvimento sexual de humanos com animais de outras espécies.

“Os peões da obra falaram que no nordeste mandavam bala. Meu funcionário diz que chega na obra e fala ‘quem nunca deu um talento na cabrinha’, os caras dizem que a cabra até grita o nome”, afirmou Felipe. Mari indagou se esses homens usavam preservativo para cometer o ato e o colega disse que eles não tinham esse tipo de precaução.

A influencer, então, respondeu a Felipe normalizando o ato. “Tem gente que fica excitada mesmo. É anormal para nós, mas é normal para a pessoa e tudo bem também se a pessoa quer comer (no sentido sexual) um animal”. O comentário foi duramente criticado por internautas por meio da hashtag “zoofilia é crime”.