Produtores da longeva animação “Os Simpsons” anunciaram esta semana que vão reformular seu elenco de vozes –a partir de agora, atores brancos não serão mais responsáveis por dublar personagens pertencentes a outras etnias.

O anúncio foi feito poucos dias depois de outras séries de animação americanas divulgarem que vão realizar mudanças pensando em ampliar a diversidade. Esse foi o caso de “Family Guy”, “Central Park” e “Big Mouth”, por exemplo.

Um dos personagens mais problemáticos de “Os Simpsons”, Apu Nahasapeemapetilon, que tem ascendência indiana, já havia perdido sua voz há cerca de cinco meses, quando o ator branco Hank Azaria largou o papel. Desde então, ele sumiu dos novos episódios da série.

 

Foto: Reprodução

 

Agora, além dele, também devem ganhar novos dubladores o médico Dr. Hibbert e Carl Carlson, amigo do protagonista Homer Simpson.

No ar há 30 anos, “Os Simpsons” é uma dos programas de TV mais populares do mundo e seus produtores sempre resistiram a promover mudanças em seu elenco de vozes.

A decisão vem na esteira das manifestações do Black Lives Matter, que tomaram as ruas não apenas dos Estados Unidos, como de vários outros países após o assassinato de George Floyd em Minneapolis, em maio.

Desde então, o mundo do entretenimento tem revisto seus conteúdos a fim de se adequar às demandas do movimento. A HBO, por exemplo, retirou o clássico “… E o Vento Levou” de seu serviço de streaming, e o incluiu novamente dias depois, mas com uma contextualização histórica.