O youtuber e influenciador digital Júlio Cocielo, de 27 anos, se tornou réu na Justiça de São Paulo sob acusação de racismo. Segundo informações do portal UOL, a juíza Cecilia Pinheiro da Fonseca, da 3ª Vara Criminal de São Paulo, aceitou a denúncia do Ministério Público.

Se condenado, o youtuber, casado com a influencer digital Tatá Estaniecki, pode pegar a pena de dois a cinco anos de prisão.

Foto: Reprodução/Instagram

A promotora Cristiana Moeller Steiner afirma que Cocielo fez diversas postagem de cunho racista entre novembro de 2011 e junho de 2018. Em 2 de novembro de 2010, por exemplo, o influencer publicou: “Porque o Kinder ovo é preto por fora e branco por dentro? Porque se ele fosse preto por dentro o brinquedinho seria roubado, KKK #maldade”.

Para ler a matéria completa no portal Metrópoles, parceiro da Banda B, clique aqui.