Simaria, 38, recebeu diagnóstico positivo para Covid-19. A sertaneja se submeteu a um exame nesta sexta-feira (21) que confirmou o resultado, já que ela não apresentava sintomas. Os filhos e marido da sertaneja, que faz dupla com a irmã, Simone, também fizeram o exame, que deu resultado negativo.

De acordo com a assessoria de imprensa da artista, ela tinha uma viagem programada para a Espanha com a família, onde tem casa e, por segurança e exigência do país, realizou o exame antes da viagem. Ela é acompanhada pelo médico David Uip e segue todos os protocolos de isolamento na sua casa em Alphaville, em São Paulo.

“Sinto-me bem, sem nenhum sintoma. Porém, o mais difícil está sendo ficar isolada dos meus filhos sem poder abraçá-los,”, disse Simaria, por meio de nota enviada à reportagem.

 

 

Em entrevista ao canal de Matheus Mazzafera, em maio, a cantora revelou que não pode mais ter filhos. “Ninguém sabe, eu não posso ter mais filhos. Já fiz a ligadura, que nem diz o povo. Porque minhas gravidezes foram muito difíceis, sempre passei muito mal. Eram 9 meses enjoando todos os dias. Não tive uma gravidez que não passei mal.

Eu sofria demais. Era na época que eu viajava muito de ônibus […] A gente ainda estava no processo de explodir no Brasil inteiro”, disse.

Na fala, Simaria se refere ao procedimento médico de ligadura tubária, ou laqueadura, de esterilização para mulheres que não desejam mais engravidar. A cantora já é mãe de Giovanna, 6, e de Pawel, 4.

Ainda segundo ela, a agenda cheia de shows e viagens também pesou para a sua decisão. “Eu não tinha tempo para a minha família, então peguei meio que um trauma. Falei, se for para ter filho algum dia de novo, é para eu ter tempo de cuidar”.