A Banda Eva foi a atração principal do Réveillon Arcanjos, em Barra de São Miguel, em Alagoas. Mas a polícia militar interrompeu a festa bem na hora que o grupo subiu ao palco. O vocalista, Felipe Pezzoni, pediu aos policiais se eles poderiam cantar pelo menos duas músicas para que o público não ficasse irritado com os músicos.

(Foto: Divulgação)

 

Surpreendentemente, os policiais atenderam ao pedido de Felipe. O público insatisfeito começou a vaiar e mostrar o dedo do meio, e o cantor respondeu: “Não é para mim que vocês tem que fazer isso. A polícia tem que deixar as pessoas trabalharem”.

Para ler a matéria completa no Metrópoles, parceiro da Banda B, clique aqui.