O corpo do cantor do Roupa Nova Paulinho será velado e posteriormente cremado na tarde desta quarta-feira (16), às 16h, no Memorial do Carmo, no Rio de Janeiro.

De acordo com a assessoria de imprensa do grupo, em função do momento em que estamos passando pela Covid-19, mesma doença que o acometeu, e para evitar aglomeração, foi decidido que o velório será restrito a familiares.

“A banda agradece a todos os fãs, familiares, amigos e artistas pelo carinho que estão recebendo, certos de que a passagem do Paulinho foi/será de muita luz. Continuem mandando bons pensamentos para que ele tenha um descanso em paz”, diz o grupo em nota.

O músico Paulinho, vocalista da banda Roupa Nova, morreu na noite desta segunda-feira (14), aos 68 anos, no Rio de Janeiro.

Em setembro deste ano, Paulinho foi hospitalizado no Complexo Hospitalar de Niterói, no Rio de Janeiro, devido a complicações da Covid-19. Ele também passou por uma cirurgia de transplante de medula óssea para tratar um linfoma.

Foto: Reprodução/Instagram

“As luzes do palco se apagaram. Infelizmente o nosso querido Paulinho não resistiu. Acabamos de receber a notícia que ele veio a falecer de falência múltipla de órgãos após ser acometido pela Covid-19. Paciente decorrente de outras comorbidades, entre elas um transplante de medula óssea devido a um linfoma. Ele teve uma parada cardiorrespiratória hoje, que levou à parada dos órgãos. Nossos sinceros agradecimentos a todos que oraram e pediram por ele”, escreveu a equipe da banda nas redes sociais do Roupa Nova.

Paulinho faz parte da formação original da banda, nos anos 1970, então chamada Os Famks. O conjunto só passou a se chamar Roupa Nova anos depois, ao assinar contrato com a Polygram. Completam o grupo os artistas Serginho Herval, Nando, Cleberson Horsth, Ricardo Feghali e Kiko, que fizeram sucesso com músicas como “Whisky-a-Go-Go”, “Linda Demais”, “Dona” e “A Viagem”.

HOMENAGENS

Diversos nomes conhecidos da classe artística usaram as redes sociais na noite de segunda-feira (14), para homenagear o cantor e compositor Paulinho.

Entre as publicações e lamentação, que tomaram conta da internet também na madrugada desta terça (15), alguns famosos optaram por cantar músicas da banda como uma maneira de prestigiar Paulinho, conhecido por fazer parte da formação original do grupo desde os anos 1970.

A cantora Sandy, 37, e o marido Lucas Lima, 38, interpretaram a canção “Volta pra Mim”. Segundo a artista, a música fez parte da sua infância, e por isso, guarda boas memórias. “Lembro de, muito pequena, me impressionar com os agudos potentes do Paulinho. Fui a muitos shows como fã, influenciada e acompanhada pelos meus pais”, afirmou.

 

 

O apresentador e ator Rodrigo Faro, 47, também gravou a mesma canção. Em sua homenagem, o artista afirmou que Paulinho embalou momentos especiais e importantes de sua vida. “Foi um dos cantores, junto com Fabio Jr, Roberto Carlos, Djavan e tantos outros, com quem aprendi a cantar, com quem aprendi a amar a musica”, completou.

Luan Santana, 29, cantou a música “A Viagem”, que em sua opinião é a mais linda do Roupa Nova. Tocando violão, o artista gravou o vídeo caseiro enquanto fazia sua homenagem a Paulinho.

O cantor Mumuzinho, 37, participou do programa Encontro (Globo) nesta manhã de terça-feira, e também fez uma homenagem ao vivo. Ele cantou “Volta pra mim”. “Descanse em paz, Paulinho! Sua voz será sempre trilha das nossas vidas”, escreveu ele nas redes sociais.