Namorado de Diego Hypolito, o advogado maranhense Marcos Duarte se converteu à religião evangélica. O ritual foi realizado durante uma viagem dos namorados para Brasília.

(Foto: Reprodução/Instagram)

“Antes, conhecia um Jesus de ouvir falar. Hoje, conheço um Jesus de comigo andar. Sem dúvida, a melhor escolha da minha vida”, escreveu ele em foto nos stories do Instagram.

Diego Hypolito foi se encontrar em Brasília com o presidente Jair Bolsonaro. O encontro, aliás, causou um certo alvoroço nas redes sociais, e ele teve de se explicar, dizendo “não ser de direita nem de esquerda”.

Diego Hypolito assumiu ser homossexual em maio e ainda revelou que sofreu abusos sexuais na ginástica.

O medo de revelar o segredo fez o ginasta conviver com insegurança, privando-se de sua liberdade. Ele chegou a usar disfarces para frequentar baladas e shows voltados ao público LGBT, como fez na noite em que foi a uma casa noturna acompanhado do também ginasta Michel Conceição.

O ginasta afirmou, ainda, que só recentemente havia tido coragem de ir a uma balada LGBT sem se esconder.

Diego Hypolito nasceu em Santo André, no ABC paulista, em 19 de junho de 1986. Ele iniciou sua carreira na ginástica artística em 2001. Desde então, ele participou de duas Olimpíadas (Pequim 2008 e Rio 2016), dois Jogos Pan-Americanos (Santo Domingo 2003 e Rio 2007), além de seis Mundiais de Ginástica (Debrecem 2002, Anaheim 2003, Melbourne 2005, Arhus 2006, Stuttgart 2007 e Londres 2009).

Ele conquistou uma medalha de prata olímpica nos Jogos Rio 2016; duas medalhas de ouro, uma de prata e uma de bronze em Mundiais; cinco ouros e três pratas em Jogos Pan-Americanos; e mais três ouros em Jogos Sul-Americanos.