Maria Zilda Bethlem foi a convidada do programa Na Lata, de Antônia Fontenelle, deste sábado (19/09). A atriz não poupou a sinceridade ao conversar com a apresentadora, assim como tem feito nas lives realizadas em sua página no Instagram, que frequentemente tem virado notícia na imprensa. Ela falou mais uma vez sobre Maitê Proença, que, segundo ela, teve uma vida muito difícil.

“O pai da Maitê matou a mãe dela e ela foi a juízo depor a favor do pai, quando criança pequenininha. Eu não estou julgando nem criticando. Eu estou dizendo que uma criança que é obrigada a fazer isso vai crescer com um trauma na cabeça”, afirmou Maria Zilda. A atriz também aproveitou para fazer muitos elogios à colega de profissão. “Ela é uma pessoa muito educada, muito gentil”.

Leia mais AQUI, na coluna de Leo Dias, no Metrópoles, parceiro da Banda B.

 

Assista à entrevista: