Mayã Frota se manifestou. Alexandre Frota contra-atacou o filho. E Samantha Gondim, a mãe de Mayã, vai processar o ex nas varas cível e criminal. De acordo com a advogada Juliana Zappalá Bisol, que cuida do caso, ela e Samantha vão entrar com os dois processos na Justiça. A informação é do Extra.

Injúria, difamação e porte de drogas são algumas das infrações nas quais Alexandre Frota pode ser enquadrado. No texto que publicou em seu perfil no Facebook, no qual rebate as acusações do filho, de abandono e não pagamento de pensão, ele deixa claro que fez sexo e consumiu drogas com Samantha num hotel de Brasília.

Frota e Samantha – Reprodução redes

“Ela tinha 16 anos na época. Não trabalhava e nem poderia trabalhar como bartender como afirma o senhor Alexandre Frota. Não foi apenas uma relação. Os dois tiveram um envolvimento”, explica a advogada: “Tomaremos todas as medidas cabíveis na Justiça”.

Outros três processos já existem contra Frota abertos em nome de Mayã. Um deles pedindo a pensão alimentícia. Pelos cálculos da Justiça, ele já deve cerca de R$ 60 mil ao filho que teve com Samantha e um pedido de prisão já foi expedido.

Samantha, que é personal trainer, mora hoje na Antuérpia, Bélgica, com dois dos três filhos, Mayã e um bebê de poucos meses, fruto de um novo relacionamento. Na época do envolvimento com o ex-ator, ela era menor de idade e engravidou dele. Alexandre assumiu a paternidade, mas não quis conviver com o garoto, como ele mesmo disse em inúmeras entrevistas que deu anos depois.

Leia a reportagem aqui