Kanye West, 43, voltou a causar em seu Twitter na noite desta segunda-feira (17). Dessa vez, o rapper, que diz que vai concorrer à presidência dos Estados Unidos, compartilhou uma nova ideia surpreendente envolvendo a rede social do momento, o TikTok.

O cantor casado com Kim Kardashian afirmou que pretende criar uma plataforma para cristãos da mesma rede social. “Uma visão acabou de chegar até mim? Jesus Tok? Eu estava vendo minha filha mexendo no Tik Tok, e como um pai cristão, eu estava perturbado com muito conteúdo, mas eu amei totalmente a tecnologia”, escreveu.

 

Foto: Reprodução/Instagram

 

West também pediu orações aos seguidores para que a colaboração com o Tik Tok aconteça. “Para fazer uma versão cristã [do aplicativo] monitorada, que seja segura para as crianças ao redor do mundo. Em nome de Jesus, amém”, finalizou.

Recentemente Kanye West sofreu surtos de bipolariedade e preocupou amigos e familiares, como por exemplo o cantor Justin Bieber, que resolveu visitar o rapper em sua fazenda localizada em Cody, Wyoming.

O casamento de Kanye com a socialite Kim Kardashian, com quem tem quatro filhos, também está passando por uma crise. No Twitter, o rapper chegou a dizer que tanto a esposa quanto sua sogra, Kris Jenner, queriam interná-lo contra sua vontade e comparou sua vida com filme “Corra!” (2017).

A crise aconteceu após o artista lançar sua pré-candidatura à presidência dos Estados Unidos no dia 4 de julho.

Durante um comício eleitoral feito no dia 19 julho, o rapper chorou ao revelar que pensou em abortar a primeira filha North West, 7.