(Foto: Reprodução)

Gugu Liberato foi condenado pela Justiça do Rio de Janeiro a indenizar um ator em R$ 20 mil por danos morais. Vicente Telles moveu a ação após uma matéria exibida no “Programa do Gugu”, da Record, em 2015.

Na atração, o apresentador anunciou o rapaz como “o ator que não quis beijar Roberta Close” e explorou o caso durante uma entrevista com a atriz transexual, de acordo com o “Uol”.

A cena em questão seria exibida na novela “Mandacaru” (1997), da extinta TV Manchete, se não fosse a contestação do ator. “Durante a exibição do programa pelos réus, em momento algum houve referência ao nome do autor”, afirmou a juíza Marcia Correia Holanda na sentença.

Para ler a matéria completa no MSN clique aqui.