Após ser processado pela filha Dayanna Maia por dever mais de R$ 400 mil em pensão alimentícia, Latino tentou justificar. “Ela tem 25 anos, trabalha, tem seu próprio dinheiro, não é justo que num momento tão difícil, onde não se pode nem fazer shows, ela queira exigir que o pai pague R$ 400 mil”, disse, em entrevista ao Yahoo.

Foto: Reprodução/Instagram

Segundo o artista, ele assinou um acordo de que pagaria três salários mínimos para a filha até que ela completasse 24 anos.

Para ler a matéria completa no portal Metrópoles, parceiro da Banda B, clique aqui.