Os hits “Downtow”, “Me Gusta” e “Vai Malandra” foram os escolhidos para a apresentação da cantora Anitta, 27, no Réveillon da Times Square, em Nova York. A artista foi uma das atrações do evento, transmitido ao vivo pelo canal Univision. O show teve também perfomances de Pitbull, Gloria Gaynor e Andra Ray.

(Foto: Instagram)

 

Por causa da pandemia do novo coronavírus, apenas alguns médicos e policiais foram convidados especiais para o Réveillon, em geral um evento que reúne uma multidão na Times Square. Com figurino de Jacob & co and Melissa Kaye e cabelos alongados, Anitta cantou e dançou acompanhada por quatro bailarinas “Happy new year, New York”, ela disse no final da apresentação.

Antes do show, a artista mostrou no Instagram bastidores do evento e pediu sugestões de restaurantes que entregassem uma ceia de Ano-Novo para ela e sua equipe. Depois, contou ter recebido uma ceia de presente de um restaurante.

Ela revelou também trechos de entrevistas que concedeu em Nova York, disse que após cantar usaria um pijama para ficar no hotel e olhar a Times Square pela janela. Postou ainda vídeos do ensaio e contou que sentiu muito frio. “Estou bebendo tequila porque está um frio fora do comum”, disse pouco antes do show.

Também pelas redes sociais, Anitta alertou que sua apresentação não seria longa -durou pouco mais de cinco minutos; e disse que usaria playback, ou seja, ela não cantou ao vivo.

Já no quarto do hotel após a apresentação, a artista utilizou acessórios típicos da celebração americana e cantarolou New York, New York, a canção imortalizada por Frank Sinatra.