Andressa Urach usou seu Instagram nesta sexta-feira, 13, para criticar a igreja da qual fez parte nos últimos tempos.

“Depois de seis anos de lavagem cerebral, onde me fizeram acreditar que eu tinha que dar meu tudo para Deus… Me levaram praticamente tudo que eu tinha, foi mais de R$ 1,5 milhão que doei nesses últimos anos”, escreveu a modelo.

Foto: Reprodução/Instagram

Em seguida, continuou: “Fora o meu amor e tempo que dediquei como todos sabem e agora que não tenho mais dinheiro para dar, ainda fui demitida da Record. Parabéns, Igreja Universal, por levar minha alma ao inferno”.

O Estadão buscou contato com a Record TV e com a Igreja Universal, mas não obteve retorno até a publicação desta reportagem.