(Foto: Reprodução)

Aline Barros perdeu o processo movido por Marcela da Costa Macedo, sua ex-assistente, na Justiça. A profissional acusava a cantora gospel de não pagar suas comissões de shows.

De acordo com o jornalista Leo Dias, a artista foi condenada a pagar uma indenização de R$ 200 mil à ex-empregada.

Contudo, a famosa teria oferecido créditos de ações do Botafogo, pertencentes a Gilmar Jorge dos Santos – seu marido -, como pagamento.

Para ler a matéria completa no MSN clique aqui.