A Igreja Mundial do Poder de Deus, do pastor Valdemiro Santiago, vem enfrentando problemas financeiros e um dos motivos para isso seria a administração das contas por sua filha Raquel Santiago. Segundo fontes próximas à família, a pastora faz má gestão do dinheiro da instituição para ações e eventos, como a live Estações, que custou R$ 850 mil.

Foto: Reprodução

coluna de Leo Dias entrou em contato com os advogados de Raquel, que enviaram a seguinte nota:

Todo e qualquer evento realizado pela sra. Raquel Santiago tem por objetivo difundir a palavra de Deus alcançando vidas, indiferente de fronteiras e estados, para anunciar o evangelho, o que é pregado também pela instituição religiosa que faz parte. A sra. Raquel Santiago, pastora evangélica, ao realizar quaisquer eventos religiosos, exerce o seu direito constitucional de expressar a sua crença religiosa e convocar aos fiéis (de quaisquer crenças) para conhecer a palavra de Deus”.

Para ler a coluna de Leo Dias completa no portal Metrópoles, parceiro da Banda B, clique aqui.