ex-peão de A Fazenda 12 JP Gadêlha, que foi acusado por MC Mirella de ter dito que queria fazer sexo com ela na última terça-feira (15/12), afirmou à coluna de Leo Dias que a história é mentirosa e irá processar a funkeira por calúnia e difamação.

“Minha assessoria jurídica já está tomando as devidas providências. Acionei os meus advogados e vamos mover um processo por calúnia e difamação contra a Mirella”, disse o bombeiro a este colunista.

Foto: Reprodução

Em seu Twitter, o pernambucano publicou que jamais tentou ter qualquer contato com a MC. “A situação está insustentável e eu preciso esclarecer: em momento nenhum eu disse que queria transar com Mirella, seja em janela de hotel ou por qualquer outro meio. Mesmo que quisesse, jamais falaria dessa forma absurda e desrespeitosa”, escreveu.