Ele é professor de Educação Física, ensina jiu jitsu em Corumbá (MS) e um apaixonado fotógrafo. Corumbaense, Guilherme Provenzano Giovanni, de 48 anos, lançou uma campanha para ajudar no resgate de animais atingidos pelas queimadas no Pantanal.

Em entrevista ao vivo pela live com Mariana Martins, na noite desta quarta-feira (18), Guilherme contou detalhesda campanha e falou também sobre a paixão pela fotografia, com flagrantes feito como se ele estivesse em uma guerra.

Guilherme – Arquivo pessoal

“Costumo fotografar sozinho, num silêncio absoluto para mim. As vezes, vou só para observar e, na hora de fotografar, me camuflo e rastejo como se estivesse numa guerra. Pode ser que só tenha um clique antes de afugentar os animais”, conta Guilherme.

Sobre a campanha, o fotógrafo diz que atualmente o Pantanal já conta com uma força-tarefa em campo, um cenário diferente do que quando começou o fogo.

“O trabalho continua e hoje já temos grande apoio do IBAMA nas operações, além da ajuda de todos que doam assiduamente e entendem que nossa demanda é grande e de alto investimento para salvar e manter a vida desses animais que sofrem com suas casas incineradas e a falta de alimento e água”.

“Reforçamos a importância do fundo de emergência que estamos construindo e do trabalho de prevenção ao fogo, projetos para evitar outras tragédias como essa. O Pantanal necessita de monitoramento constante para evitar futuras tragédias”, completa.

Durante os meses de queimadas no Pantanal, Guilherme também documentou no Instagram tudo o que acontecia na região. “Teve momentos que eu achei que estava seguro, mas eu vi que a velocidade do fogo era espantosa”.

Para ajudar clique AQUI no site da ONG Ampara Animal

Veja mais sobre a campanha e o trabalho de Guilherme no Instagram @guilhermebjj.photos 

Assista ao bate-papo de Mariana com Guilherme:

Quem é

* Guilherme Provenzano Giovanni, fotógrafo e morador de Corumbá MS, cidade que engloba 60% do pantanal Sul matogrossense.
Professor de Jiu Jitsu Faixa Preta 4 graus, envolvido com o esporte há 28 anos.

Tempo de fotografia – 10 anos

• Vencedor do Concurso Nacional #vamospresrevar realizado pela VALE em parceria com Sebastião Salgado (2013).
• Vencedor do Concurso Eco Pantanal realizado pela Embrapa com 2 fotos em exposição (2013).
• Duas fotos escolhidas pelo SESC para participação de exposição no Festival América do Sul. (2017).
• Exposição Fotográfica Digital na Boemia Cultural. (2017).
• Exposição Fotográfica Festival América do Sul (2019).
• Foto publicada no site Natgeobrasil.
• Foto escolhida para capa do calendário da cidade (2018).
• Foto escolhida para estampar o mapa e guia de bolso internacional de Corumbá MS.
• Vencedor de 8 desafios internacionais no aplicativo polonês FOAP, entre eles: “Bank of América”, “Nescau”, “Nívea”, “Volvo”, “Heinekein”, “gettyimages”, “Shell” entre outros, sendo o fotógrafo Brasileiro com mais vendas (40 fotos).
• Aproximadamente 1300 fotos vendidas on line pelo Instagram.

Veja algumas fotos de Guilherme: