A rede de atacado Makro fechou várias lojas em todo o país nesta segunda-feira (18). No Paraná, foram fechadas as unidades de Curitiba, no bairro Guaíra, em Pinhais, na rua Salgado Filho, e em Foz do Iguaçu. Na porta das lojas, apenas uma faixa anunciando o fim das atividades:

“A partir de 18/05/20 encerramos as atividades desta loja. Agradecemos a compreensão”, diz a faixa no portão da loja da Rua Wenceslau Braz, na capital paranaense.

Makro fechou as portas em várias cidades do país – Foto Divulgação

O motivo, segundo o grupo Makro, é a reestruturação da empresa após a venda de 30 lojas da rede fora do estado de São Paulo  pela rede francesa Carrefour. O valor do negócio foi de  R$ 1,95 bilhão.

“Com a otimização da rede de lojas, a companhia confirma a continuidade de sua operação no Brasil exclusivamente no Estado de São Paulo”, diz a nota.

Dos 30 pontos comerciais, 22 são propriedade integral do Makro e oito são alugados, localizados em 17 estados do país.

A transação envolveu ainda a compra de 14 postos de gasolina. As lojas adquiridas, que somam 165.000 m² de área de venda, apresentaram em 2019 vendas brutas de aproximadamente R$ 2,8 bilhões. Segundo o Carrefour, os espaços possuem complementaridade geográfica com as 187 lojas já existentes do Atacadão.

Além do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, na região sul do Brasil, pontos no Rio de Janeiro, Goiás, Bahia, Pernambuco, Ceará, Alagoas, Mato Grosso, Pará, Piauí, Amazonas, Sergipe, Paraíba, Tocantis e Distrito federal foram adquiridos.