O professor Marcos Kusnick sempre teve uma carreira variada. Na vida dele, a astrologia é uma ferramenta de autoconhecimento e um interesse que tem desde criança. Quando decidiu unir a vocação de dar aula com o hobby, percebeu que poderia ser uma oportunidade também do ponto de vista profissional.

foto-astrologo-professor-marcos
Ele sempre teve uma carreira variada, trabalhou com computadores, depois se formou em História, fez mestrado em Educação e foi professor por muitos anos – Foto: Reprodução/Partiu Plano B

Hoje, como professor de astrologia, Marcos já formou mais de 100 alunos no Brasil e no exterior. Como em qualquer outra área, ele diz: “Você precisa de um professor!”.

“Você precisa de um professor! Um professor que compartilhe com você sua experiência e dessa maneira de vida, aquilo que você leu, transformando termos técnicos em significados e olhando o que há de humano por detrás dos símbolos. Desenvolver a sensibilidade necessária na Astrologia implica no contato com pessoas”

pontua o professor Kusnick.

Ele sempre teve uma carreira variada, trabalhou com computadores, depois se formou em História, fez mestrado em Educação e foi professor por muitos anos.

Segundo ele, não foi de uma hora para outra que mudou de profissão. A transição de carreira demorou de dois a três anos, até que ele se sentisse pronto para atuar como astrólogo.

 “Quando estamos em transição, não é bom colocar todos os ovos na mesma cesta. No início, fiz atendimentos de graça para ganhar experiência”

conta Marcos.

O professor também começou a fazer um planejamento financeiro para saber quanto poderia ter de receita e qual seria o público que atenderia.

 “Tudo foi ficando mais claro e assim eu soube quanto poderia investir e quanto tempo levaria para ter retorno”

explica o professor.

Assim que deixou de vez as salas de aula, o professor diz que a maior dificuldade foi trabalhar sozinho. Como sempre atuou em alguma instituição, ele era parte de algo maior e, como empreendedor, viu que teria que tomar todas as decisões e inclusive ter ainda mais disciplina no dia a dia. 

As dicas do professor Marcos:

  • Primeiro sem dúvida é conhecer o mercado, saber para quem vai fazer o serviço, qual o tamanho do mercado, entender o nível de dificuldade para acessar esse mercado. Saber para onde está caminhando para evitar perda de tempo e dinheiro.
  • Tem que se preparar, no caso específico da astrologia tem muita literatura, muitas opções de cursos, mas tem que tomar cuidado para avaliar em quais cursos vale realmente a pena investir.
  • Sempre estar investindo em formação, refinar a técnica, estudar e tentar atender o cliente com excelência. Essencial também trabalhar em uma ética profissional. Esse cuidado vai garantir que ele te indique para outras pessoas. Vontade de estudar e empatia são elementos fundamentais para o trabalho do astrólogo.

Converse com o Professor Marcos pelo WhatsApp: (42) 98401-3328.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Professor deixa as salas de aula para se dedicar à astrologia

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.