Os juros futuros devolveram boa parte do avanço visto na sessão de quinta, com as taxas dos principais contratos recuando durante toda a sexta-feira. No fechamento, conservavam recuo firme, mesmo com o dólar tendo à tarde zerado as perdas ante o real para terminar o dia estável. Profissionais da área de renda fixa afirmam que o mercado de juros foi muito influenciado por fatores técnicos, com investidores aproveitando para recompor posições vendidas, após o forte movimento de zeragem visto quinta. O IPCA-15 de novembro veio levemente abaixo das estimativas dos analistas, com avanço dos núcleos mas alívio nos preços de serviços. De todo modo, com o recuo das taxas, a curva voltou a mostrar apostas divididas para o Copom de fevereiro.

O volume de contratos negociados foi bastante expressivo, ainda que não tanto quanto quinta. A taxa do contrato de Depósito Interfinanceiro (DI) para janeiro de 2021 fechou em 4,650% (regular e estendida), de 4,729% quinta no ajuste, e a do DI para janeiro de 2023 caiu de 5,931% para 5,88% (regular) e 5,87% (estendida). A do DI para janeiro de 2025 terminou em 6,45% (regular e estendida), de 6,501%, e a do DI para janeiro de 2027 recuou de 6,811% para 6,77% (regular e estendida). Na semana, acumularam prêmio, com avanço de cerca de 10 pontos-base.

“Ontem (quinta), teve muito ‘stop’ e isso limpou o técnico”, disse um gestor, para quem, contudo, a perspectiva de avanço da inflação nos próximos meses, ainda que não altere a percepção de que há espaço para ao menos mais um corte da Selic, traz desconforto para ficar aplicado em juros.

A Bolsa de Valores de São Paulo, no centro de São Paulo, no Brasil – 09/05/2016 – REUTERS/Paulo Whitaker/File photo

DÓLAR
compra/venda
Câmbio livre BC – R$ 4,1826 / R$ 4,1832 **
Câmbio livre mercado – R$ 4,1920 / R$ 4,1940 *
Turismo – R$ 4,1400 / R$ 4,3900

(*) cotação média do mercado
(**) cotação do Banco Central

Variação do câmbio livre mercado
no dia: 0,00%

OURO BM&F
R$ 207,50

BOLSAS
Bovespa (Ibovespa)
Variação: 1,11%
Pontos: 108.692
Volume financeiro: R$ 16,946 bilhões
Maiores altas: Azul PN (16,946%), Via Varejo ON (4,11%), Qualicorp ON (3,73%)
Maiores baixas: Marfrig ON (-1,47%), Cielo ON (-1,44%), Equatorial ON (-1,19%)

S&P 500 (Nova York): 0,22%
Dow Jones (Nova York): 0,39%
Nasdaq (Nova York): 0,16%
CAC 40 (Paris): 0,20%
Dax 30 (Frankfurt): 0,20%
Financial 100 (Londres): 1,22%
Nikkei 225 (Tóquio): 0,32%
Hang Seng (Hong Kong): 0,48%
Shanghai Composite (Xangai): -0,63%
CSI 300 (Xangai e Shenzhen): -1,02%
Merval (Buenos Aires): 1,03%
IPC (México): 0,62%

ÍNDICES DE INFLAÇÃO
IPCA/IBGE
Setembro 2018: 0,48%
Outubro 2018: 0,45%
Novembro 2018: -0,21%
Dezembro 2018: 0,15%
Janeiro 2019: 0,32%
Fevereiro 2019: 0,43%
Março 2019: 0,75%
Abril 2019: 0,57%
Maio 2019: 0,13%
Junho 2019: 0,01%
Julho 2019: 0,19%
Agosto 2019: 0,11%
Setembro 2019: -0,04%

INPC/IBGE
Setembro 2018: 0,30%
Outubro 2018: 0,40%
Novembro 2018: -0,25%
Dezembro 2018: 0,14%
Janeiro 2019: 0,36%
Fevereiro 2019: 0,54%
Março 2019: 0,77%
Abril 2019: 0,60%
Maio 2019: 0,15%
Junho 2019: 0,01%
Julho 2019: 0,10%
Agosto 2019: 0,12%
Setembro 2019: -0,05%

IPC/Fipe
Setembro 2018: 0,39%
Outubro 2018: 0,48%
Novembro 2018: 0,15%
Dezembro 2018: 0,09%
Janeiro 2019: 0,58%
Fevereiro 2019: 0,54%
Março 2019: 051%
Abril 2019: 0,29%
Maio 2019: -0,02%
Junho 2019: 0,15%
Julho 2019: 0,14%
Agosto 2019: 0,33%
Setembro 2019: 0,00%

IGP-M/FGV
Setembro 2018: 1,52%
Outubro 2018: 0,89%
Novembro 2018: -0,49%
Dezembro 2018: -1,08%
Janeiro 2019: 0,01%
Fevereiro 2019: 0,88%
Março 2019: 1,26%
Abril 2019: 0,92%
Maio 2019: 0,45%
Junho 2019: 0,80%
Julho 2019: 0,40%
Agosto 2019: -0,67%
Setembro 2019: -0,01%

IGP-DI/FGV
Setembro 2018: 1,79%
Outubro 2018: 0,26%
Novembro 2018: -1,14%
Dezembro 2018: -0,45%
Janeiro 2019: 0,07%
Fevereiro 2019: 1,25%
Março 2019: 1,07%
Abril 2019: 0,90%
Maio 2019: 0,40%
Junho 2019: 0,63%
Julho 2019: -0,01%
Agosto 2019: -0,51%
Setembro 2019: 0,50%

SALÁRIO MÍNIMO
Janeiro 2019: R$ 998,00