Após sinalizar que estava próximo a um acordo comercial com a China, o presidente americano Donald Trump afirmou no domingo (5) que irá elevar tarifas sobre produtos chineses. Nesta segunda-feira (6), os mercados globais reagiram de forma negativa à declaração.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, caiu quase 6% -maior perda desde 2016. O S&P 500, índice que reúne as maiores companhias americanas listadas, chegou a recuar 1,6% durante o pregão, mas amenizou a queda e fechou em 0,45% com a interpretação de investidores de que se tratava de um blefe de Trump para acelerar as negociações. No Brasil, a Bolsa acompanhou o viés negativo e recuou 1%.

As negociações entre Estados Unidos e China para cessar a guerra comercial iniciada no ano passado estavam prestes a ser concluídas. No entanto, Trump declarou que, a partir desta sexta (10), US$ 200 bilhões de bens chineses importados serão tarifados em 25%. Hoje, esta tarifa é de 10%.
Segundo o presidente, US$ 325 bilhões de outros bens que não são taxados, passarão, em breve, a ter a mesma alíquota de 25%.

A Bolsa de Valores de São Paulo, no centro de São Paulo, no Brasil – 09/05/2016 – REUTERS/Paulo Whitaker/File photo

Receosos a uma falta de acordo, os mercados globais recuaram. CSI300 caiu 5,84%. A bolsa de Hong Kong recuou 2,9%. Mais céticos quanto ao discurso de Trump, as Bolsas americanas amenizaram a queda. Dow Jones perdeu 0,25%. S&P 500, 0,45% e Nasdaq, 0,5%
O Ibovespa, maior índice acionário do país, acompanhou o viés negativo e teve queda de 1,04%, a 95 mil pontos. O giro financeiro foi de R$ 9,7 bilhões, abaixo da média diária para o ano.

DÓLAR
compra/venda
Câmbio livre BC – R$ 3,9618 / R$ 3,9624 **
Câmbio livre mercado – R$ 3,957 / R$ 3,959 *
Turismo – R$ 3,92 / R$ 4,12

(*) cotação média do mercado
(**) cotação do Banco Central

Variação do câmbio livre mercado
no dia: 0,48%

OURO BM&F
R$ 162,490

BOLSAS
Bovespa (Ibovespa)
Variação: -1,04%
Pontos: 95.008
Volume financeiro: R$ 9,720 bilhões
Maiores altas: EcoRodovias ON (3,52%), Cielo ON (2,85%), CCR ON (2,59%)
Maiores baixas: Bradesco ON (-3,25%), Azul PN (-2,99%), Itausa PN (-2,80%)

Dow Jones (Nova York): -0,25%
Nasdaq (Nova York): -0,50%
CAC 40 (Paris): -1,18%
Dax 30 (Frankfurt): -1,01%
Financial 100 (Londres): 0,40%
Nikkei 225 (Tóquio): -0,22%
Hang Seng (Hong Kong): -2,90%
Shanghai Composite (Xangai): -5,58%
Merval (Buenos Aires): 1,82%
IPC (México): -0,36%

ÍNDICES DE INFLAÇÃO
IPCA/IBGE
Março 2018: 0,09%
Abril 2018: 0,22%
Maio 2018: 0,40%
Junho 2018: 1,26%
Julho 2018: 0,33%
Agosto 2018: -0,09%
Setembro 2018: 0,48%
Outubro 2018: 0,45%
Novembro 2018: -0,21%
Dezembro 2018: 0,15%
Janeiro 2019: 0,32%
Fevereiro 2019: 0,43%
Março 2019: 0,75%

INPC/IBGE
Março 2018: 0,07%
Abril 2018: 0,21%
Maio 2018: 0,43%
Junho 2018: 1,43%
Julho 2018: 0,25%
Agosto 2018: 0,00%
Setembro 2018: 0,30%
Outubro 2018: 0,40%
Novembro 2018: -0,25%
Dezembro 2018: 0,14%
Janeiro 2019: 0,36%
Fevereiro 2019: 0,54%
Março 2019: 0,77%

IPC/Fipe
Março 2018: 0,00%
Abril 2018: -0,03%
Maio 2018: 0,19%
Junho 2018: 1,01%
Julho 2018: 0,23%
Agosto 2018: 0,41%
Setembro 2018: 0,39%
Outubro 2018: 0,48%
Novembro 2018: 0,15%
Dezembro 2018: 0,09%
Janeiro 2019: 0,58%
Fevereiro 2019: 0,54%
Março 2019: 051%

IGP-M/FGV
Abril 2018: 0,57%
Maio 2018: 1,38%
Junho 2018: 1,87%
Julho 2018: 0,51%
Agosto 2018: 0,70%
Setembro 2018: 1,52%
Outubro 2018: 0,89%
Novembro 2018: -0,49%
Dezembro 2018: -1,08%
Janeiro 2019: 0,01%
Fevereiro 2019: 0,88%
Março 2019: 1,26%
Abril 2019: 0,92%

IGP-DI/FGV
Março 2018: 0,56%
Abril 2018: 0,93%
Maio 2018: 1,64%
Junho 2018: 1,48%
Julho 2018: 0,44%
Agosto 2018: 0,68%
Setembro 2018: 1,79%
Outubro 2018: 0,26%
Novembro 2018: -1,14%
Dezembro 2018: -0,45%
Janeiro 2019: 0,07%
Fevereiro 2019: 1,25%
Março 2019: 1,07%

SALÁRIO MÍNIMO
Janeiro 2019: R$ 998,00