Aconteceu mais uma vez! Na madrugada de sexta para sábado (25), o funcionário de um posto de combustíveis do bairro Boqueirão, em Curitiba, foi agredido e a ação foi filmada por câmeras de segurança. De acordo com a vítima, a violência aconteceu por ele não ter como trocar uma nota de R$ 200.

Nas imagens, é possível observar que Denival da Silva Ferreira é atingido duas vezes: a primeira por uma mulher e a segunda por um homem. Os dois seriam marido e mulher, responsáveis por uma barraca de cachorro-quente da região.

À Banda B, Denival disse que a situação aconteceu por ele não poder trocar o dinheiro que a mulher pedia.

“Para evitar furtos, o posto tem uma política de girar o caixa, então eu havia acabado de pegar ele zerado. A primeira pessoa que tentou trocar a nota foi o cliente deles, que chegou de boa, mas consegui explicar o motivo de não poder fazer isso. A confusão mesmo começou quando ela veio até a loja”, explica.

Segundo o relato, a mulher teria tentado em seguida trocar a nota de R$ 200 comprando uma garrafa de cerveja long neck, de R$ 8,99. Com a falta de troco, ela teria passado a xingar o funcionário.

“Eu estava lá trabalhando e cumprindo com a madrugada. Não é fácil aguentar bêbado, aguentar gente ignorante e ainda ser agredido. Ela sabe que eu não posso trocar dinheiro aquele horário, foi uma pirraça”, lamenta.

Além das agressões, uma terceira pessoa teria derrubado uma prateleira da loja.

Diante das agressões, Denival chamou a Polícia Militar e foi orientado a registrar boletim de ocorrência na Polícia Civil. Como as delegacias que procurou no sábado estavam fechadas, a expectativa é pelo registro nesta segunda-feira (26).

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Video! Sem dinheiro para trocar, funcionário é agredido em posto de combustíveis em Curitiba

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.