A reinauguração da linha de ônibus Barreirinha/São José, que liga Curitiba a São José dos Pinhais (SJP), na região metropolitana, aconteceu nesta quinta-feira (04), às 17h, no Terminal Guadalupe, com a presença do prefeito Rafael Greca e outras autoridades. A linha deve beneficiar 21 mil pessoas por dia.

WhatsApp Image 2024-07-04 at 17.06.09
Foto: Cristiano Vaz/Banda B

A linha será mista, operada em conjunto pela Urbanização de Curitiba (Urbs) e a Associação de Assuntos Metropolitanos do Paraná (Amep) e entra em circulação já nos primeiros horários desta sexta-feira (05).

Greca comemorou a retomada da linha e criticou sem citar nomes quem, segundo ele, “destruiu a rede integrada metropolitana de transporte”.

“Bagunçaram a rede integrada metropolitana que eu havia desenhado. Isso me causou muita contrariedade, inclusive provocou minha candidatura para prefeito em 2012. Essa ideia de destruir a rede integrada é atrasada, cretina e contrária ao bem de Curitiba. As nove cidade que cercam a capital merecem ser uma cidade só”, defendeu o prefeito.

WhatsApp Image 2024-07-04 at 17.01.21
Foto: Cristiano Vaz/Banda B

O vice-prefeito de Curitiba, Eduardo Pimentel, também esteve presente na reinauguração e disse que a linha vai passar por 14 bairros.

“A volta dessa linha que vai pegar 14 bairros é uma ação importante para facilitar a vida de quem usa o transporte coletivo para trabalhar entre Curitiba e SJP. Se Deus quiser, faremos mais dessas integrações no futuro”, afirmou.

O presidente da AMEP, Gilson Santos, destacou a questão da tarifa social.

“O ônibus vai fazer todo esse percurso partindo de SJP com uma tarifa de R$ 5,50 e partindo de Curitiba com uma tarifa de R$ 6. Vai trazer conforto e segurança para o usuário nesse deslocamento”, destacou.

Com trajeto de 43 quilômetros, itinerário ligará, nos dois sentidos, o Terminal Barreirinha até o Terminal central de São José dos Pinhais.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Greca reinaugura linha de ônibus que liga Curitiba a SJP e alfineta críticos: “Destruir a rede integrada metropolitana é uma ideia cretina”

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.