O Instituto Municipal de Turismo (IMT) em Curitiba, a Secretaria Municipal do Urbanismo, Fundação de Ação Social (FAS), Guarda Municipal, Setran e Regional Matriz farão uma operação conjunta na Feira de Artesanato do Largo da Ordem deste domingo (19/2).

Foto: SMCS

O IMT calcula um aumento de 30% no público na feira deste domingo, por conta do feriado prolongado do carnaval. Em domingos normais, costumam circular até 30 mil pessoas pelo local, que concentra mil barracas de artesanato e gastronômicas.

Para ampliar a segurança de quem for à feirinha neste domingo, a Guarda Municipal vai intensificar o efetivo; o Urbanismo vai reforçar a fiscalização de vendedores ambulantes não autorizados; a Setran vai auxiliar na fluidez do trânsito e garantir a segurança dos pedestres; a FAS e a Regional Matriz também estarão mais atentas ao movimento na região.

As ações foram discutidas nesta terça-feira (14/2), em reunião no IMT com a participação de representantes de todas as secretarias envolvidas.

“A ideia é oferecer sempre a melhor experiência a quem visita a nossa tradicional Feira de Artesanato. Estamos planejando com antecedência para que todos que visitarem a feira levem para casa, além dos nossos produtos, apenas boas lembranças”, comenta Tangrian Cunico dos Santos, coordenadora das Feiras de Artesanato.

A Feirinha do Largo funciona aos domingos, das 9h às 14h.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Curitiba estima aumento de 30% no público e reforça segurança da Feirinha do Largo

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.