Comida japonesa, ibérica e italiana são algumas opções para o feriado de carnaval. Confira as sugestões e caia nessa folia gastronômica:

Terra Madre Ristorante

Inspirado na gastronomia italiana, o Terra Madre une tradição e inovação em seu cardápio. Pratos clássicos, releituras e criações originais fazem parte das pedidas da casa. Os frutos do mar são celebrados em opções como o Spaghetti negro artesanal, feito na casa com tinta de lula, servido com polvo, pancetta e chips de polenta tingido com tinta de lula (R$ 78). Entre as massas, uma novidade do menu é o Gnocchi de batata baroa com camarão, alcachofra e cogumelo (R$ 68). Pedidas com carne também se destacam, como o Filé Mignon com risoto de cogumelos trufados (R$ 88), ou ainda o Filé Mignon com fettuccine artesanal e molho de parmesão (R$ 79).

Dias de funcionamento no Carnaval: Almoço no sábado e domingo (22 e 23/2), das 12h às 15h30. Jantar na sexta, sábado, terça e quarta-feira, das 19h às 0h.
Endereço: Rua Desembargador Otávio do Amaral, 515 – Bigorrilho
Informações e reservas: (41) 3335-6070

 

 

C La Vie

A casa valoriza ingredientes sazonais e locais em seu menu, em busca de inovar conceitos clássicos da alta gastronomia. Cortes especiais e frutos do mar fazem parte das pedidas da casa. O Camarão e Arroz Negro apresenta arroz negro cremoso ao perfume de algas, camarões grelhados, ovas negras, lula, lichia e tuilli (bolacha francesa em arco) negra (R$ 88). Já a Língua, purê de batata e alho negro apresenta a língua bovina cozida com vinho do Porto servida com purê de batata, alho negro e bacon crocante (R$ 75). A Pancetta recheada e ravióli é apresentada com abacaxi caramelizado no shoyu, o ravióli recheado de ricota com manjericão e molho veloutê de manga (R$ 68).

Dias de funcionamento no Carnaval: Almoço na sexta-feira (21/2), das 12h às 14h30. Jantar na sexta, sábado, segunda, terça e quarta-feira, das 19h30 às 23h
Endereço: Al. Presidente Taunay, 533 – Batel
Informações e reservas: (41) 3029-9988

 Mercadoteca terá programação especial de Carnaval

 

Olivença Cozinha Ibérica

A gastronomia de Portugal e Espanha se encontram no cardápio do Olivença Cozinha Ibérica. Pratos clássicos – do bacalhau português até a Paella espanhola – se destacam. A casa apresenta uma versão de Paella de Frutos do Mar: o arroz é preparado com açafrão e leva marisco, polvo, camarão, lula e legumes, servindo uma pessoa (R$ 79) ou duas (R$ 155). O Lombo de bacalhau em crosta de broa de milho é acompanhando de migas portuguesas (broas de milho em pedaços), feijão fradinho e couve (R$ 118), enquanto o Lombo de bacalhau assado com batatas ao murro é servido com azeite, tomates grelhados, brócolis, alho esmagado e folhas de louro (R$ 118).

 Dias de funcionamento no Carnaval: Sexta-feira e sábado (21 e 22/2), das 11h às 23h, domingo e segunda das 11h às 20h, terça das 11h às 18h.
Endereço: Rua Paulo Gorski, 1309 – Mercadoteca – Mossunguê
Informações e reservas: (41) 3503-4583

 

Vino! Batel

Foto Valterci Santos

União de wine bar e cozinha italiana contemporânea, a Vino! Batel tem pratos individuais e pedidas para dividir, que combinam bem com a extensa gama de vinhos de 10 países. O Spaghetti Carbonara é feito com massa artesanal e leva gema caipira, creme de parmesão e pancetta crocante (R$ 34). Outra massa de sucesso é o Gnocchi com polpetone parmigiana ao molho branco (R$ 34). O Salmão grelhado é apresentado com pupunha de Morretes assada ao souté de cogumelos e molho de limão siciliano (R$ 59).

 Dias de funcionamento no Carnaval: Sexta (21/2), sábado, segunda, terça e quarta-feira, das 17h às 0h
Endereço: Rua Comendador Araújo, 891 – Shopping Hauer – Batel
Informações e reservas: (41) 3359-1077

 

Sushi Lounge Batel

A tradição da gastronomia japonesa encontra com a criatividade e contemporaneidade no Z. Sushi Lounge Batel. A casa renovou seu cardápio recentemente, com pratos inovadores em uma alta gastronomia. Uma boa pedida para conhecer o conceito do restaurante é pedir o Omakasê: um menu confiance com os ingredientes mais frescos e inusitados do dia, interpretados pela criatividade do chef e sushiman Douglas Piccoli (R$ 188). Na linha de combinados há o Kiba, de 18 peças apresentando quatro fatias de salmão, quatro de atum e quatro de peixe branco, três hossomakis de atum e mais três de salmão (R$ 58). Já o Combinado Shake de 28 peças tem seis sashimis de salmão e seis de salmão selado, uma dupla de nigiris de salmão e outra de barriga de salmão trufados, quatro jyos, quatro uramakis filadélfia e quatro batera de salmão (R$ 98).

 Dias de funcionamento no Carnaval: Sexta (21/2), sábado e quarta, das 19h às 0h
Endereço: Rua Teixeira Coelho, 255 – Batel
Informações e reservas: (41) 3015 1003 / (41) 98767-9591

 

Armazém Santo Antônio

Foto Marcelo Krelling

A gastronomia do Armazém é feita de clássicos da cozinha brasileira e internacional. Ingredientes como frutos do mar e cortes especiais de carne fazem parte das pedidas da casa.

Fãs de mignon podem aproveitar variadas pedidas no menu do Armazém. O Mignon Dijon, destaque da casa, tem tournedor de mignon grelhado em manteiga de ervas com linguini de espinafre (R$ 65). Já o Mignon Poivre Vert tem o tournedor em manteiga de ervas com risoto de cogumelos frescos e alho poró (R$ 68). Outra escolha é o Mignon à cavalo, também grelhado, ao molho gorgonzola com arroz branco, batata frita e ovo estrelado (R$ 65). O Mignon com crosta de castanha e chá lapsang souchang é acompanhado de risoto de alcachofras e queijo brie (R$ 68). 

Uma pedida para duas pessoas é a Paleta de cordeiro, com a peça sendo cozida lentamente e servida com talharim artesanal na manteiga, legumes frescos refogados e molho de hortelã – ideal para quem quer um prato sem lactose (R$ 145). 

Quem procura pratos com peixes encontra, por exemplo, o Robalo grelhado com risoto de coco fresco e castanha-do-pará (R$ 72), ou ainda o Robalo grelhado com legumes na manteiga de ervas (R$ 69). O Filé de linguado grelhado serve duas pessoas, acompanhado de arroz de camarão e batatas sauté (R$ 128). 

Sobremesas clássicas encerram o menu em grande estilo. “La Religieuse” apresenta massa choux com creme de avelãs e caldinha quente de chocolate e café (R$22), enquanto o Toucinho do Céu, típico doce português, tem massa à base de ovos, açúcar e amêndoas moídas com calda de Vinho do Porto (R$ 25).O restaurante Armazém Santo Antônio vai funcionar normalmente de sexta-feira (21/2) até domingo. A casa só fecha de segunda-feira até Quarta de Cinzas. Para almoço, abre no sábado e domingo, das 11h30 às 15h30, e para jantar, na sexta e sábado, das 19h30 às 23h30.

Dias de Funcionamento no Carnaval: O Armazém Santo Antônio abre para jantar na sexta-feira e sábado (21 e 22/2), das 19h30 às 23h30, para almoço no sábado e domingo, das 11h30 às 15h30 – casa fechada de segunda a quarta-feira (24 a 26/2).
Endereço: Rua Solimões, 344 – São Francisco
Informações: (41) 3077-5505 | www.armazemsantoantonio.com.br

 

Victor

Linguado da Mamma

Referência em preparos variados e frescos de frutos do mar há meio século e reconhecido por oferecer uma culinária clássica e criativa, o Grupo Victor, é a perfeita opção para quem estiver em Curitiba durante o Carnaval.

A dica é provar alguns dos clássicos do grupo como o Linguado da Mamma que apresenta o peixe com creme de camarões e palmito, camarões MM e sete-barbas e serve bem duas pessoas. 

E se descer para o litoral também não foi uma opção, o cliente pode desfrutar dos sabores e aromas da praia saboreando a casquinha de siri, eleita a melhor da cidade por anos consecutivos. O motivo é fácil: com tradicional preparo Victor, a carne de siri vem de Antonina e o petisco é servido em concha de vieira nos sabores natural e à milanesa. Para a sobremesa, destaque para o brownie de Nutella com sorvete de creme e calda de chocolate. 

Dias de Funcionamento no Carnaval: o Bar e a Praça do Victor abrem normalmente para almoço e jantar no sábado, domingo e quarta-feira de cinzas (dias 22, 23 e 26); e apenas para almoço na segunda e terça-feira (dias 24 e 25). A unidade Bistrô do Victor, localizada no PkB, funciona todos os dias de Carnaval no almoço e jantar. Já a Petiscaria do Victor, abre sábado e domingo (dias 22 e 23) normalmente; fecha na segunda e terça-feira (dias 24 e 25) e reabre na quarta-feira (26) apenas para o jantar.