Depois de percorrer escolas públicas das cidades de São Paulo, São Bernardo do Campo e Guaratinguetá, chegou a vez de Curitiba, no Paraná, ser contemplada pelo Proje7o Arco-Íris. A partir do próximo dia 21 de agosto, o Colégio Estadual Homero Batista de Barros receberá arte-educadores, que juntamente com alunos e professores da instituição, vão pintar um grande mural utilizando grafitti na fachada da escola. A iniciativa é da Burburinho Cultural, produtora com ênfase em transformação e inclusão social, e tem a proposta de colorir a realidade de jovens e levar a prática artística para estudantes de escolas públicas brasileiras. 

Foto: Divulgação

A intervenção no espaço físico desses ambientes, envolvendo artistas locais, professores, alunos e coordenadores, será resultado de quatro dias de oficina, mediada por um arte-educador, tendo um grafiteiro como convidado participante. O projeto busca deixar um legado cultural, formativo e estético na região. É realizado ainda um documentário sobre o trabalho e um workshop sobre arte-educação e reciclagem com os professores. Após a passagem pelo Paraná, a iniciativa seguirá para Lajes (SC), Três Lagoas (RS) e Niterói (RJ).

Uma nova cultura

‘’É muito bom ver como mudam os discursos dos alunos quando começam as oficinas e quando elas terminam. Todos os conhecimentos que eles obtêm ali são para a vida inteira. A escola passa a ser beneficiada não só por estética, mas também como uma nova cultura de cores e afetos’’, afirma a produtora executiva da Burburinho, Joelma Veiga.

‘’O proje7o Arco-Íris transforma as escolas visualmente, e aproxima afetivamente e criativamente o aluno do ambiente escolar. Ele se apossa dele, renova, se expressa e aprende técnicas de pintura e reaproveitamento de resíduos. É um trabalho que reconecta o aluno ao segundo lugar mais importante do início da vida deles. E o mais interessante é ver isso tudo acontecer numa empreitada de um ano, itinerando por sete escolas diferentes pelo Brasil’’, declara o idealizador e diretor de projetos, Thiago Ramires. 

Além de Ramires e Veiga, a iniciativa é conduzida ainda pela diretora executiva da Burburinho, Priscila Seixas, e pela gestora de projetos, Camille Dias, que garantem a continuidade do projeto durante todo o ano de 2023. O Arco-Íris é viabilizado pela Lei de Incentivo à Cultura, com patrocínio da CTG Brasil, Wilson Sons, BASF e é realizado pela Burburinho Cultural e Ministério da Cultura, Brasil União e Reconstrução, Governo Federal.

Serviço:

Local: Colégio Estadual Homero Batista de Barros

Endereço: R. Fernandes Viêira, 17 – Capão Raso, Curitiba – PR, 81020-650

Datas: 21 a 25 de agosto

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Proje7o Arco-Íris chega para promover experiência artística com graffiti em escola pública de Curitiba

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.