O fim de ano está chegando e, com ele, os tradicionais eventos e confraternizações empresariais. Geralmente, esses encontros, são marcados por uma noite gastronômica, uma apresentação de resultados, ou o tradicional amigo secreto.

Segmento empresarial vem investindo cada vez mais no _Humor Consciente_, uma forma humanizada, motivadora e descontraída de lidar com situações desafiadoras - Cred Divulgação
Foto: Divulgação

De algum tempo para cá, o segmento empresarial vem investindo cada vez mais no “Humor Consciente”, uma forma humanizada, motivadora e descontraída de lidar com situações desafiadoras.

“Muitas empresas entram em contato conosco na tentativa de encontrar uma forma mais amigável de se comunicar e conscientizar o trabalhador. A melhor forma de fazer isso é por meio do bom humor”, comenta Fagner Cristófoli, um dos sócios da Risata Produções, produtora com foco no stand-up comedy. “Apresentações com foco na segurança do trabalho, em profissionais de RH, profissionais da saúde, atendimento com o público, entre outras, são alguns dos segmentos procurados”, completa.

Uma das empresas que apostou no humor consciente foi a rede de hotéis Four Points. 

“Levar o humor para a rotina dos colaboradores é algo que deve ser sempre pensado por quem cuida do RH da empresa. A Risata Produções veio para nos ajudar nesse sentindo, promovendo um show de fim de ano com muita alegria, descontração e com artistas que sabem reproduzir o dia a dia do trabalhador de forma bem-humorada”, diz Dayane Bochenek, diretora de RH.

Durante a SIPAT – Semana Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho, o humorista Edu Fenix, do casting da Risata, promoveu um ato humorístico repleto de conscientização. “Trabalhamos com um texto muito flexível, em que conseguimos passar os ensinamentos dentro da nossa história, levando a fixação da mensagem por meio do sentimento. Começamos pelo humor e chegamos em um lado mais sério, em que o personagem criado consegue passar as consequências de suas irresponsabilidades e os ensinamentos a serem tirados da situação”, explica Edu Fenix.

O técnico de segurança no trabalho, Diego Baptista, que conferiu de perto uma das apresentações de Fenix, acredita que o método do humor facilita a forma de visualização e conexão. “Acredito que, para os colaborades, a forma de visualização da sua atividade, pensando não só na produção, mas também na sua segurança, por meio de uma abordagem mais voltada ao subconsciente e também para o coletivo, é de uma importância essencial”, comenta.

Entre os profissionais de saúde, um dos nomes da comédia que mais se destaca é o comediante Eduardo Stall, mais conhecido como o “Enfermeiro Sincero”. Stall, que é formado em Enfermagem, viralizou nas redes sociais de todo o Brasil falando sobre a rotina árdua dos profissionais da área, contando histórias e mostrando os desafios de uma forma consciente e leve.

“Assim como qualquer área, o humor também se atualiza, moderniza. O limite do humor mudou, assim como sua função social, indo além das risadas e levando conhecimento, empatia e conscientização”, finaliza Fagner Cristófoli.

Risata Produções atua no segmento do humor há 4 anos e conta com um repertório de comediantes que apostam no humor consciente, voltado a nichos específicos, mas não exclusivos, com o objetivo de brincar com situações desafiadoras de forma consciente e motivadora. Entre alguns dos humoristas, estão Eduardo Stall (Enfermeiro Sincero), Michael Rodrigues (Menino do RH), Brow Malaquias, entre outros.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Humor Consciente vira ferramenta de motivação e descontração nos eventos empresariais de fim de ano

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.