Ângulos, formas e momentos únicos de Curitiba, selecionados por profissionais que vivem de registrar o dia a dia curitibano, agora estão reunidos na exposição coletiva O Rosto da Cidade, no Museu Municipal de Arte (MuMA). Em comemoração ao Dia Mundial da Fotografia, celebrado em 19 de agosto, a mostra reúne 120 imagens de 12 fotógrafos da Prefeitura e pode ser vista até 23 de outubro.

Foto: Ricardo Marajó/SMCS.

Aqueles que costumam estar por trás das câmeras ganharam os flashes na inauguração que aconteceu nesta terça-feira (23), com a presença do prefeito Rafael Greca e da primeira-dama Margarita Sansone. 

Além de Guilherme Klock, curador da mostra, participam os fotógrafos Alice Rodrigues, Daniel Castellano, Faisal Iskandar, Hully Paiva, Levy Ferreira, Lucília Guimarães, Luiz Cequinel (in memoriam, representado por sua esposa, Rita), Luiz Costa, Marcos Campos, Pedro Ribas e Ricardo Marajó.

“O Rosto da Cidade foi fotografado por algumas das lentes mais habilidosas de Curitiba. Assim como a cidade teve Arthur Júlio Wischral, João Baptista Groff e Jaques Pires, agora temos para nossa alegria uma geração extraordinária de fotógrafos, que saudamos e aplaudimos”, disse o prefeito.

“Sempre quis fazer essa exposição, a exposição do olhar, olhar com talento que esses fotógrafos têm e sabem mostrar a cidade de uma forma cada vez mais diversa. Sem o olhar do fotografo nós ficaríamos muito pobres de vida”, destacou Margarita.

Foto: Ricardo Marajó/SMCS

Visão autoral

Por trás das imagens vistas nas matérias publicadas no portal da Prefeitura e de secretarias e orgãos municipais estão profissionais que rodam a cidade para retratar as pautas dos repórteres. Desta vez, o objetivo foi diferente, explicou Pedro Ribas, também coordenador de fotografia da Secretaria Municipal de Comunicação Social.

“É um momento importante para nós, demonstra a valorização do nosso trabalho. O resultado foi surpreendente, nos deram liberdade para escolher cada imagem e conseguimos agora encontrar o ângulo de cada um. Trabalhamos juntos, mas a oportunidade de cada um mostrar visão autoral foi única”, disse.

Em uma grande sala, a fotogênica Curitiba foi representada por suas ruas, parques, praças, casas e edifícios, vistos sob diversos ângulos, em diferentes momentos. A mais jovem do grupo, Hully Paiva, focou os grafites para retratar a cidade. “Eu achei incrível, cada um com seu olhar e sua perspectiva da cidade. Só mostra o quanto nossa cidade é linda e poder ver cada detalhe aqui, fica ainda melhor”, afirmou Hully.

O artista visual Max Carlesso foi conferir a abertura da exposição.

“São imagens que remetem a lembranças emotivas, consegui lembrar de alguns espaços da cidade que não passo faz algum tempo. Eles têm o dom e é isso que o povo tem que vir ver”, comentou Carlesso.

Foto: Ricardo Marajó/SMCS.

Serviço

Exposição O Rosto da Cidade
Onde: Museu Municipal de Arte – MuMA – Portão Cultural (Avenida República Argentina, 3430)
Datas e horário: Até 23 de outubro de 2022. De terça a sexta-feira, das 10h às 19h.
Entrada gratuita

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Exposição fotográfica mostra ‘O Rosto da Cidade’ de forma diversa, em Curitiba

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.