Um chá de casa nova precisou ser interrompido, no início da noite deste domingo (24), após uma confusão entre vizinhos, em Curitiba. Um casal comprou um apartamento e realizava o evento na casa da sogra, na rua Paraíba, na Vila Guaíra. Um vizinho, incomodado com a festa, riscou quatro carros dos convidados. A Polícia Militar (PM) foi acionada, já que essa não era a primeira situação na qual o vizinho se incomodou.

Foto: Colaboração/Banda B

 

Segundo o empresário Bruno Tiago, que presenciou a cena, após o vizinho riscar os carros, ele foi chamado para conversar, mas só saiu com a presença da PM. “Fui deixar minha mulher em casa e quando estava retornando para o chá me deparei com ele riscando os carros. A primeira impressão que tive é que alguém estava tentando roubar alguma coisa, mas quando vi que ele entrou para dentro, percebi que era o vizinho. Tentamos chamar ele, não saiu de maneira alguma, só com a presença da Polícia”, descreveu.

O universitário Herlon Lins, que comprou o apartamento junto com a companheira, explicou que já não é a primeira situação na qual esse vizinho se envolve. “Estamos batalhando na vida, primeiro imóvel e infelizmente acabou nesta situação. Não é um caso esporádico, já aconteceu com o mesmo vizinho. Não queremos fazer nada com ele. Mas vamos na delegacia, fazer o boletim de ocorrência. Acabou o chá de casa nova”, disse.

De acordo com o assistente jurídico Tiago Rodrigues, convidado da festa, o vizinho, que é segurança e professor de artes marciais, já havia murchado pneus de carros em uma festa de criança. “Parece que ele já é recorrente nessas situações com vizinhos. Testemunhas, inclusive, disseram que já ouviram disparos de arma de fogo. Ele também furou pneu de carro em outra situação. Com certeza ele tem que ser freado, pra que a situação não se complique futuramente. Danificou bastante a lataria de quatro carro, um deles é o meu”, contou.

O homem foi encaminhado ao 13º Batalhão da Polícia Militar (BPM), assinou um termo circunstanciado e foi liberado.