Um vídeo publicado nas redes sociais mostra o médico dermatologista, Ulisses Misima Ribeiro, de 43 anos, dando uma arrancada com o carro em um sinaleiro, enquanto os dois filhos estão no banco de trás (assista abaixo). Ele foi preso nesta terça-feira (4) suspeito de participar do racha que matou o servente Marcelo da Trindade, de 48 anos, na BR-277, no bairro Orleans, em Curitiba.

 

 

As imagens fazem parte do inquérito que investiga o acidente. Ribeiro é apontado pela Delegacia de Delitos de Trânsito (Dedetran) como o motorista do veículo Volvo que aparece em imagens numa suposta competição automobilística contra a BMW de Silvio Eduardo de Alencar Santos, de 20 anos.

No momento do acidente, o médico estava com a esposa, dois filhos e uma amiga no veículo. O dermatologista vai responder por homicídio e competição automobilística não autorizada (racha).

No inquérito, que ainda está em andamento, a Polícia Civil junta diversas provas que comprovariam o racha, incluindo laudo do Instituto de Criminalística. Há trechos da rodovia em que o veículo Volvo aparece com uma velocidade de 179 km/h, enquanto a BMW estaria a 160 km/h.

O acidente

O atropelamento aconteceu no dia 13 de julho, na BR-277, em Curitiba. A BMW fazia a pista sentido Centro de Curitiba quando o motorista perdeu o controle, capotou e matou Trindade.

A vítima tinha há oito anos superado o alcoolismo e passava por um ótimo momento, segundo familiares. Atualmente, Marcelo trabalhava para a concessionária Rodonorte, que administra o trecho em que o acidente aconteceu.

Ele trabalhava com o filho no momento em que foi atingido.