Parque da Imigração Japonesa, em Curitiba. Foto: Everson Bressan/SMCS

 

O Corpo de Bombeiros foi acionado para realizar o resgate a um jovem universitário na noite deste sábado (5) nas cavas do Parque do Centenário da Imigração Japonesa, em Curitiba. O estudante de Agronomia de 22 anos foi encontrado em uma cava do parque, apenas de cueca, tentando se desvencilhar de uma vegetação local. Bombeiros disseram que ele havia saído de uma rave, festa de música eletrônica, que acontecia ao lado do parque. Entretanto, outros jovens disseram à Banda B que a festa era um encontro de universitários do curso.

O acionamento aconteceu por volta das 23 horas. O parque fica na Avenida Comendador Franco, conhecida como Avenida das Torres, no bairro Uberaba. Segundo o tenente Retechin do 1º Grupamento do CB, o segurança noturno do parque notou que havia uma pessoa nas cavas. “O segurança do local identificou que havia um cidadão ali, que tinha saído de uma festa que acontecia ao lado. Esse rapaz entrou no parque, entrou em uma cava e seguiu em frente. Acontece que ele ficou preso em uma vegetação”, contou à Banda B.

A falta de iluminação prejudicou inicialmente o trabalho dos bombeiros. “Estava muito escuro e quando chegamos conseguimos apenas seguir os rastros dele na vegetação, mas sem encontrá-lo, até então. Até lidamos com a possibilidade de afogamento. Em mais uma varredura encontramos ele em uma ilha pequena bem no meio da cava. Nisso, quando nos viu, ele entrou de novo na cava e foi seguindo em direção à margem. Resgatamos ele bem no meio”, detalhou o tenente.

Para os bombeiros, o universitário preferiu não se explicar. “Ele não falou muita coisa, simplesmente, não sabia o que dizer. Não parecia estar embriagado, nem nada. Ele estava sem camisa, sem calça, apenas de cueca, a roupa dele estava às margens do parque”, finalizou Retechin.

O jovem universitário foi avaliado pela equipe do Corpo de Bombeiros e liberado no local.