(Foto: SMCS)

 

Com a reorganização, 77 unidades que já atendem com fluxo dividido logo na entrada, separando os atendimentos de pessoas com sintomas suspeitos do novo coronavírus e de outras condições de saúde, passam a atender exclusivamente situações de urgência em saúde (como pressão alta e atendimentos essenciais, como pré-natal, pacientes com condições crônicas descompensadas e outros casos).

Com a mudança, 24 unidades, bem como as 10 dedicadas à vacinação, irão transferir o atendimento para unidades próximas e todos os profissionais desses locais irão reforçar o atendimento no restante da rede.

“É importante esclarecer que a mudança não implica em redução de serviços de saúde para os usuários dessas unidades, a assistência médica e medicamentos continuam sendo fornecidos para toda a população”, afirma Flávia.

Novos locais

Quem tinha como unidade de referência alguma das unidades cujo serviço será remanejado neste período pode consultar a lista abaixo, para verificar qual sua nova unidade de referência neste momento.

Lista de 77 unidades básicas de saúde que atenderão urgências odontológicas, quadros respiratórios e os atendimentos essenciais

Lista de 10 unidades de básicas de saúde que disponibilizarão vacinas do Calendário Nacional de Vacinação

Lista de unidades básicas de saúde que terão atendimento redirecionado e qual a respectiva nova unidade de referência