Foto: José Fernando Ogura/ANPr

 

Subiu para 1,7 mil o número de afetados pelas chuvas em Itaperuçu, na região metropolitana de Curitiba. O balanço foi confirmado pela Defesa Civil à Banda B no começo da manhã deste domingo (2). Segundo o órgão, cerca de 500 casas foram danificadas e 7 pessoas estão desabrigadas por causa dos fortes ventos que atingiram a cidade na noite de sexta-feira (30).

De acordo com Thiago Brito, que é coordenador da Defesa Civil, os trabalhos neste domingo se concentram na distribuição de donativos. “Os esforços estão concentrados principalmente para as famílias que perderam tudo e esse trabalho deve tomar a semana toda. A gente pede que aqueles que necessitem de donativos venham até o Centro da cidade e nos procurem, que estamos com doações de roupas, colchões, alimentos e materiais para a cobertura das casas”, explicou.

Foto: José Fernando Ogura/ANPr

Na tarde de sábado, a Defesa Civil enviou 3 mil telhas e lonas para cobrir as casas.

Os ventos afetaram ainda duas escolas, um posto de saúde, estabelecimento comerciais e um hospital de Itaperuçu. Os pacientes foram remanejados para hospitais de Rio Branco do Sul e Almirante Tamandaré.

Água e Energia

A Defesa Civil informou ainda que, desde o começo da madrugada deste domingo, 90% da energia elétrica já foi retomada.

Já em relação à água, o trabalho é mais cuidadoso e a previsão que a retomada se inicie por volta do meio dia.

Governo

A governadora Cida Borghetti esteve neste sábado (1) em Itaperuçu. Ela informou que todo o suporte necessário está sendo prestado para a cidade. “A Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros estão à disposição para auxiliar rapidamente as famílias e reduzir os impactos causados pelas chuvas. Além disso, equipes da Secretária de Estado da Saúde também estão dando ao município todo suporte necessário”, acrescentou.