A Sanepar normalizou a produção da Estação de Tratamento de Água (ETA) do rio Iguaçu que ficou comprometida nas últimas horas. Além da normalização no fornecimento, a empresa também suspendeu o rodízio no abastecimento na área atendida pela unidade. As áreas que foram afetadas só voltarão para o rodizio no dia 18 de dezembro.

 

A Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) está alterando o processo de gestão do programa Tarifa Social. Foto: Divulgação Sanepar

 

Com a retomada da produção, os reservatórios do sistema estão enchendo. Ontem (terça-feira, 15), às 23 horas foi iniciado o abastecimento de todos os reservatórios da região que recebe água a partir da ETA Iguaçu. A produção de água está na capacidade máxima, mas a retomada do abastecimento está sendo gradual. Até o meio dia desta quarta já havia sido recuperado cerca de 90% mas algumas regiões podem ter dificuldades pontuais que devem ser equacionadas ainda hoje.

DETERGENTE E AÇÃO CRIMINAL

A Sanepar identificou o produto que trouxe queda de qualidade na captação. Após análises de parâmetros, foi confirmada a presença de produtos “surfactantes” com características de formação de espuma e viscosidade similar a vários tipos de detergentes.

Neste momento, a companhia está iniciando processo criminal para identificar a origem desse material e trabalha com a hipótese de sabotagem.