O governador Carlos Massa Ratinho Junior decretou luto oficial de três dias em todo o Estado nesta terça-feira (20) em respeito à morte do vereador Jairo Marcelino, que ocupou por 37 anos e nove mandatos consecutivos uma cadeira na Câmara Municipal de Curitiba. Ele tinha 77 anos, estava internado desde setembro e não resistiu às complicações da Covid-19. Marcelino deixa esposa, seis filhos, 13 netos e 2 bisnetos.

Foto: Divulgação

“A pandemia de Covid-19 tem tirado muitas pessoas queridas das famílias paranaenses, a quem presto toda a minha solidariedade pelas irreparáveis perdas. Hoje o vereador curitibano Jairo Marcelino, nosso companheiro no campo político, não resistiu à doença. Minhas sinceras condolências à família e aos amigos. Que Deus o receba com bênçãos”, declarou o governador Ratinho Junior.

Jairo Marcelino nasceu em 17 de julho de 1943. Ele começou a trabalhar aos 14 anos como cobrador de ônibus na linha Uberaba, e em 1962 passou a motorista de ônibus. Ele ingressou na Câmara Municipal com 40 anos e passou seis vezes pela Mesa Diretora da Casa.

O cargo mais alto que desempenhou foi entre 1995 a 1996, no papel de segundo secretário, compondo a então Comissão Executiva. Também foi 2º vice-presidente, 3º secretário e 4º secretário. O Sistema de Proposições Legislativas da Câmara registra 379 leis municipais de sua autoria.

A Prefeitura Municipal de Curitiba também decretou luto oficial de três dias.