O Condor Connect foi inaugurado, na noite desta terça-feira (30), no Condor Pinheirinho, em Curitiba, oferecendo um espaço moderno e colaborativo que vai trabalhar em conjunto com universidades, laboratórios de pesquisa e desenvolvimento, empresas e empreendedores com interesse comum em inovar. O objetivo é unir mentes criativas para pensar em soluções que melhorem os processos e que ofereçam ganho de tempo, eficiência e produtividade para o varejo brasileiro.

Segundo o Índice Global de Inovação (IGI), o Brasil ocupa apenas o 66º lugar, em uma lista com 129 países. Neste cenário que pode parecer pouco favorável, o projeto surge para alavancar a inovação no país e criar oportunidades para todo o mercado varejista nacional.

A meta é chegar até dezembro deste ano com 40 startups que irão envolver, aproximadamente, 120 pessoas. O grande desafio é que as startups estejam prontas para oferecer soluções ao mercado varejista nacional em até um ano após a sua concepção, beneficiando empresas do segmento que se interessem em participar do projeto.

De acordo com Elaine Munhoz, diretora de Marketing do Condor, as soluções não serão desenvolvidas apenas para atender o Condor, já que o trabalho tem como objetivo ajudar toda a rede varejista do país. “As soluções não serão desenvolvidas apenas para nós, mas para toda e qualquer empresa de varejo que tenha um problema a ser resolvido”, explicou ela, que afirma ainda que a inovação é algo presente na história da rede de supermercados desde o início.

“Por exemplo, o Condor foi a primeira rede supermercadista a ser informatizada no Paraná, lá na década de 90. Então está na nossa ‘veia’ querer ser pioneiro e trabalhar com essas questões tecnológicas”, lembrou Elaine.

“O Condor Connect é mais uma marca da rede Condor e vai trabalhar exclusivamente com inovação. Ser o pioneiro no Brasil, voltado especialmente para oferecer soluções para o grande varejo, que é um segmento tão importante para a economia, é um privilégio para a nossa rede. Nosso intuito é que este Centro de Inovação proporcione união em todo o varejo brasileiro e que contribua para o desenvolvimento do país”, afirma o fundador e presidente do Condor, Pedro Joanir Zonta.

Zonta conta ainda que sempre esteve ligado à tecnologia e espera que no futuro grandes sistemas possam sair de sua empresa. “Quando vou no shopping com minha esposa,  ela vai ver roupas e calçados, já eu vou para uma loja de computadores. Sempre gostei de hardware e software, então porque não apoiar jovens empresários a desenvolverem seus programas e no futuro espero que grandes sistemas saindo daqui de dentro”, afirmou o presidente da rede.

Os países que atuam fortemente com startups se destacam perante o mundo, como é o caso da Suíça e de Israel. O diretor de TI do Condor, Vladimir Torres, conta que visitou Israel e que ficou encantado com a capacidade deles em criar soluções para tudo. “Eles conseguem desenvolver tudo o que precisam, tudo graças a uma mente que pensa à frente e que valoriza a criatividade e a educação. Desta forma, queremos nos espelhar nos pioneiros de outros países para transformar o Brasil e poder explorar ao máximo todo o potencial e os recursos que temos aqui”.

Segundo a idealizadora do projeto, Kauana Vissotto, por intermédio do Condor Connect será possível mobilizar as mentes novas e criativas em vários segmentos da sociedade, como o meio acadêmico. “Hoje em dia vemos muitas empresas e muitas profissões sendo criadas a partir das necessidades do mercado. Nossa proposta é instigar os universitários e os novos empreendedores a desenvolverem trabalhos que resolvam os problemas reais do universo corporativo”, destaca Kauana, que liderará o desenvolvimento e a mentoria das startups e intermediará a comunicação com o grande varejo.

Juntamente com Daiane Pereira, à frente da plataforma virtual, onde será possível escalar os resultados do Condor Connect para os outros estados, o projeto ainda pretende levar soluções criativas, inovação e mentoria em escala nacional, através da comunidade online. “Hoje em dia as pessoas estão conectadas ao mundo digital, e se estamos falando em inovação, com o Condor Connect não pode ser diferente”, complementa Daiane.

Os interessados em participar do Condor Connect podem entrar em contato via o e-mail [email protected]