Foto: SMCS

 

A chuva deu uma trégua e as equipes da Secretaria Municipal de Obras Públicas concluíram no último sábado (9) as obras de recuperação do pavimento e da galeria da Rua Desembargador Westphalen, nas proximidades da esquina com a Avenida Visconde de Guarapuava, no Centro. Para que os materiais utilizados na obra – asfalto e concreto – tivessem tempo para secar, foi necessário que o trecho seguisse bloqueado por mais 48 horas e a via foi liberada para trânsito nesta terça-feira (12)

A rua foi danificada pelo temporal que caiu no dia 21 de fevereiro e, desde então, ficou interditada para que os reparos fossem efetuados. Nesta terça-feira, servidores da Secretaria Municipal de Obras Públicas e os agentes da Superintendência de Trânsito (Setran) retiraram as barreiras que alertavam para a interdição da rua e liberaram o trânsito.

No mesmo dia do temporal, a equipe técnica do Departamento de Pontes e Drenagem da secretaria vistoriou os danos causados na Desembargador Westphalen. A tubulação e as galerias da rua são antigas, subdimensionadas, e se tornaram insuficientes para suportar as cargas do temporal e dos entulhos descartados pela população.

No dia seguinte à chuva, 22 de fevereiro, foram iniciados os reparos nas galerias e no pavimento. O local foi limpo, as galerias desobstruídas e foram instaladas caixas de contenção, que têm a função de reduzir a pressão na tubulação e, assim, diminuir o potencial destrutivo das enchentes.

De acordo com o diretor do Departamento de Pontes e Drenagem, Augusto Meyer Neto, a obra realizada atende o caso neste momento e permitiu que fosse iniciado o levantamento topográfico da área. “Durante o ano todo, nossas equipes realizam serviços corretivos e preventivos de manutenção e, no caso da Westphalen, foram feitos reparos corretivos aos estragos causados pelo temporal. Com asfalto e galeria recuperados, a vida volta ao normal na região. Também aproveitamos a intervenção para começar os estudos para realizar a obra determinada pelo prefeito Rafael Greca, que vai mudar em definitivo a situação da Westphalen”, disse Meyer.

Obra definitiva

Por determinação do prefeito, já está sendo preparado o termo de referência para contratação do projeto que dará solução definitiva para o caso da Rua Desembargador Westphalen. Greca já orientou que seja reservado recurso do orçamento do próximo ano para a execução da obra, que será de grande porte.

A futura obra garantirá mais segurança no combate aos efeitos dos temporais. “O famoso buracão da Westphalen com a Visconde de Guarapuava merece mais do que solução paliativa. Ali, há problema crônico a cada chuva forte porque a velha galeria (de 1940) está em ruína, hoje subdimensionada, pois não suporta mais o volume de água das chuvas que vem crescendo com o aquecimento global. É necessária uma intervenção dramática”, apontou Greca.

“A solução atual é provisória enquanto aguardamos elaboração de um projeto de macrodrenagem e o orçamento das custosas obras de engenharia. Tudo será feito dentro dos prazos de projeto, licitação e execução, respeitados os prazos da Justiça”, concluiu o prefeito.