Os prefeitos da Região Metropolitana de Curitiba (RMC) se reuniram com os respectivos secretários municipais de Educação, nesta quarta-feira (04), durante o 30° Fórum Metropolitano. O objetivo da reunião foi dar início às discussões para a elaboração de um protocolo conjunto de volta às aulas.

Segundo o presidente da Assomec (Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Curitiba) e prefeito de Fazenda Rio Grande, Márcio Wozniack, as questões levantadas no último encontro do comitê que reúne secretários municipais de Educação foram apresentadas aos prefeitos. “Eles elaboraram uma ata de 11 páginas, na qual há alguns tópicos importantes que precisam ser discutidos. Esses tópicos envolvem desde questões de recursos humanos, as pessoas que vão administrar as aulas no ano que vem, também questões sobre como seria o alojamento das crianças dentro das escolas, os EPIs que devem ser comprados para ajustar os espaços públicos da educação, além do transporte escolar e outros temas para uma volta segura”, explicou o presidente da Assomec.

Foto: Divulgação

Os secretários de Educação devem voltar a se reunir para definir metas e medidas a serem tomadas para o efetivo retorno das aulas e apresentar os avanços aos prefeitos da RMC na próxima reunião do Fórum Metropolitano marcada para segunda-feira (09).

“Como são pontos extensos, os secretários vão escolher um ou dois temas por semana, discutindo com os municípios, apontando os problemas e pensando em soluções. Assim eles vão trazendo para o Fórum, onde vamos preencher questionários de informação e o protocolo sanitário para a volta às aulas”‘, afirmou Wozniack que revelou ainda que o Ministério Público também foi convocado para participar das reuniões com os prefeitos e acompanhar a elaboração do protocolo de retorno das atividade escolares.

Na semana passada, os prefeitos da RMC decidiram pela criação de Comitês Municipais de Educação para pensar em uma retomada das aulas integradas em 2021. Ainda de acordo com o prefeito de Fazenda Rio Grande, foi descartada a volta às aulas na rede municipal de ensino este ano.