Em um balanço sobre as primeiras semanas da temporada de Verão 2020/21 o prefeito de Guaratuba, Roberto Justus, lamentou que muitos turistas parecem ‘esquecer’ das regras de higiene e distanciamento social devido à pandemia de coronavírus. A maioria das pessoas que está no calçadão ou na areia é flagrada sem o uso de máscara, o que para o prefeito é um problema sério e que ajuda na disseminação da covid-19.

(Foto: Divulgação)

 

Justus afirmou, em entrevista à Banda B na manhã desta segunda-feira (28), que esperava outra postura por parte dos turistas. “A maioria das pessoas não está usando máscara no calçado e na areia, o que a gente lamenta. Me chama a atenção que bares e restaurantes estão com menos movimento, então neles parece estar funcionando tudo bem. Precisamos que todo mundo use máscara, assim como acontece em quando as pessoas estão na cidade em que moram”, disse.

O prefeito notou por parte dos turistas uma sensação de que ‘estamos de férias, logo vamos relaxar em tudo’. “É curioso porque percebemos que a pessoa mora em Curitiba e região metropolitana, cumpre na sua cidade as medidas de higiene, mas quando vem pro Litoral há um certo relaxamento e isso em tempos de pandemia é ainda mais grave. Esse relaxamento vale também para jogar lixo nas ruas e perturbação de sossego”, ponderou.

Em resumo, o prefeito diz que o sucesso da temporada de Verão depende muito da adesão da população. “Se fosse no ano passados diria que estamos 100% preparados para receber a população no nosso Litoral, mas devido à pandemia não posso dar essa certeza, porque depende muito da adesão dos moradores de Guaratuba e de quem está vindo para cá. Só teremos sucesso se houver uso de máscara e cooperação da população”, pontuou.

O Governo do Paraná aumentou o número de policiais na Operação Verão e tem intensificado as blitzes, inclusive para valer o toque de recolher válido para o Estado, que proíbe a circulação de pessoas entre as 23h e 5h.