A Polícia Civil investiga as causas do desabamento de um prédio em Colombo, na região metropolitana de Curitiba, que deixou cinco pessoas feridas, na madrugada de sábado (4). O Instituto de Criminalística esteve no local para colher informações e periciar os estragos. Um laudo oficial deve ser emitido em cerca de 60 dias. Apenas uma pessoa continua internada, com quadro estável.

 

Imagens aérea da destruição. Foto: Colaboração Banda B

 

O prédio que desabou possui dois pavimentos – comercial e habitacional, e fica na Avenida Santos Dumont, no bairro São Gabriel. Além de dois apartamentos, há ainda uma academia, um supermercado desativado e um estacionamento que fazia reformas há pelo menos duas semanas. No momento do desabamento, havia máquinas de escavação que trabalhavam na obra.

Saúde

Das cinco pessoas feridas, apenas uma mulher de 50 anos continua internada em quadro estável no Hospital Evangélico Makenzie. Duas crianças receberam alta médica do mesmo hospital, na tarde de domingo.

Um casal, de 25 e 29 anos, internado no Hospital do Trabalhador com escoriações leves também já recebeu alta, ainda no sábado.

Notícias relacionadas: