Um policial militar foi atropelado por um motorista de aplicativo, na noite desta terça-feira (10), no Centro de Curitiba. O motorista não teria acatado a uma ordem de abordagem feita pelo PM e arrancou, atropelando-o. O PM foi arremessado e teve fratura no rosto.

O atropelamento aconteceu na rua João Negrão, por volta das 20 horas. O policial militar notou uma discussão entre ciclistas e o motorista de aplicativo, e resolveu abordá-los. Nesse momento, o carro arrancou e atropelou o militar.

 

Foto: Banda B

 

Uma ambulância fez os primeiros socorros. O sargento Emerson do Corpo de Bombeiros disse que o policial teve fratura e outros ferimentos. “Ele está consciente e orientado, mas tem contusões em crânio e possivelmente uma fratura de nariz. Ele tem escoriações em ambos joelhos”, descreveu, em entrevista à Banda B.

O motorista não estava sob efeito de álcool, tinha documentação em dia e sem passagens pela polícia. Ele assinou Termo Circunstanciado e foi liberado.

Já o policial permanece no Hospital do Trabalhador.