Pedestre não resistiu e morreu dentro da ambulância. Foto: Colaboração/Banda B

 

Um homem de 40 anos morreu atropelado na antiga BR-277, no começo da noite dessa terça-feira (26), em Campo Largo, na região metropolitana de Curitiba. O homem era conhecido na região e vivia nas ruas. O motorista do carro não possui Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e foi conduzido à delegacia.

O atropelamento aconteceu no quilômetro 118, região do Bairro Ouro Verde. De acordo com informações de testemunhas, o homem, que usava muletas, estava no meio da pista, quando o motorista de um Sandero, de cor vermelha, com placas de Curitiba, não conseguir frear.

O motorista do carro não possui Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e, por conta disso, foi conduzido à delegacia. O socorro foi acionado, a vítima chegou a ser socorrida por uma ambulância do Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate), mas morreu a caminho do hospital do município.

Familiares teriam reconhecido o homem como Airton Augusto Francisco, 42 anos, no entanto nenhum documento oficial foi entregue as autoridades. O corpo foi recolhido ao Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba.