Reprodução

 

Com objetivo de resgatar e contar a história de uma das escolas mais tradicionais do estado, alunos do Colégio Estadual do Paraná (CEP) lançam nesta sexta-feira (15) a primeira edição do CEP em Quadrinhos. Resultado de um concurso interno, o projeto tem a intenção de aproximar ainda mais a instituição das novas gerações de estudantes, com uma linguagem adequada a seu público.

De acordo com o CEP, o concurso teve como objetivo escolher, entre alunos de todas as séries, os melhores desenhos e textos narrativos. Os vencedores foram os estudantes Samuel Prado dos Santos, do ensino fundamental, e Michele Carvalho de Souza, do ensino médio.

À Banda B, a coordenadora do projeto, professora Priscila Angélica Santos, comentou que o Pertencep existe para contar a história do Colégio pela arte, foi quando a história em quadrinho surgiu. “A HQ é uma linguagem muito próxima dos nossos estudantes, é muito atrativa, e nossa intenção é deixar o aluno sempre como protagonista. O concurso surge justamente para dar o olhar do estudante, para verificar quais símbolos são os mais marcantes e o que lembram. A revista mostra, de forma bastante simbólica, esse pertencimento a esse espaço”, comentou.

O lançamento público está marcado para a Gibiteca, que fica localizada no Solar do Barão, no Centro de Curitiba. Segundo a professora Priscila Santos, o evento é aguardado com muita expectativa. “A Gibiteca lançar mostra para eles a importância do trabalho e todos estão muito ansiosos”, concluiu.

A edição inicial do CEP em Quadrinhos possui 40 páginas, é totalmente colorida, foi criada em estilo mangá e elaborada com lápis de cor e aquarela.

O evento de lançamento nesta sexta-feira (15), a partir das 19h, no Solar do Barão: Rua Presidente Carlos Cavalcanti, 533, no Centro de Curitiba.