Embora as campanhas do Outubro Rosa estejam à todo vapor, mamografias e exames preventivos para as mulheres foram liberadas apenas nesta quinta-feira (15) nas Unidades Básicas de Saúde em Curitiba. Servidoras da saúde afirmaram na semana passada que esses procedimentos estavam sem agenda devido à pandemia, no entanto, voltaram atrás e disseram que foram liberados pela Secretaria da Saúde, na manhã de hoje. No entanto, a Prefeitura de Curitiba nega essa informação e diz que todos os procedimentos estão normais nas unidades de saúde da cidade.

Uma vendedora de 63 anos, moradora da Cidade Industrial de Curitiba, disse à Banda B que esteve na Unidade de Saúde São Miguel, na semana passada, e recebeu a informação de que não haveria agendamentos de exames preventivos.

“Eu estive lá para marcar mamografia e papanicolau, faço sempre esses exames porque estamos no mês do Outubro Rosa, mas a atendente me disse que não, que a liberação para a mamografia seria apenas ano que vem, que não estavam liberando mamografia, por causa da pandemia. Perguntei sobre o preventivo, o papanicolau, e a resposta foi a mesma”, criticou. “Eu não consigo entender como que isso acontece no mês das mulheres e a Prefeitura não libera mamografia? Tudo lindo, tudo rosa, laço rosa no guarda-pó e mamografia nada?”, questiona a vendedora.

 

Campanha Outubro Rosa é feita em todo país. Foto: Divulgação/Ministério da Saúde

 

Outra usuária do SUS, moradora do Santa Quitéria, de 65 anos, também recebeu a mesma informação sobre a ausência de marcação de exames preventivos para as mulheres na Unidade de Saúde Santa Quitéria I. Ela também entrou em contato com a redação após não conseguir agendar os procedimentos.

Para a Banda B, na manhã de hoje, a Prefeitura de Curitiba, por meio da assessoria de imprensa, informou, no entanto, que as mamografias estão sendo agendadas normalmente, assim como a coleta de preventivo.

Mudança

Diante dessa informação, a usuária do Sistema Único de Saúde (SUS) moradora do CIC retornou à unidade de saúde de origem e a resposta dos servidores da saúde mudou. Sem saber que estava sendo gravada, a servidora disse. “Cada dia é uma história diferente. Hoje, dia 15, eles liberaram a mamografia e preventivo para quem quiser. Hoje, eles colocaram o ‘negocinho’ lá do Outubro Rosa”, disse na gravação que a Banda B teve acesso.

A servidora se refere a um cartaz pendurado no mural de informações contendo a data de liberação para exames de mamografia e preventivo.

Depois disso, ambas usuárias do SUS que entraram em contato com a Banda B receberam a confirmação de consulta e de exames por meio do aplicativo Saúde Já.

Resposta

A Prefeitura de Curitiba negou a informação de que os exames preventivos e as mamografias passaram a ser agendadas a partir de hoje e que a negativa do agendamento pode ser relatado via Ouvidoria:

“A Secretaria Municipal da Saúde informa que o agendamento de mamografias está sendo feito normalmente nas unidades de saúde. O exame é solicitado seguindo critérios específicos. Não há fila de espera para esse exame. O município tem contratada, com os prestadores do serviço, a quantia de 5 mil mamografias por mês.
O paciente que esteve em sua unidade de saúde e recebeu a informação de que o exame não estava disponível, deve voltar ao local e procurar a chefia da unidade. O problema também pode ser relatado para a Ouvidoria da Secretaria Municipal da Saúde, pelo telefone 0800-6440041”, diz a nota, na íntegra.