No primeiro dia de vigência da nova bandeira laranja, a Ação Integrada de Fiscalização Urbana (Aifu) fechou 14 bares e dois restaurantes do bairro Batel, em Curitiba. De acordo com relatório da Prefeitura de Curitiba, a suspensão das atividades ocorre por desrespeito às medidas de combate ao coronavírus, em especial, as que tratam das aglomerações.

Foto: SMCS

Em coletiva de imprensa concedida na tarde desta sexta-feira (27), a secretária municipal da Saúde, Márcia Huçulak, já havia alertado que a fiscalização estaria mais forte neste fim de semana.

O diretor do Centro de Epidemiologia da Prefeitura de Curitiba, Alcides de Oliveira, disse que a Guarda Municipal estaria nas ruas para eventuais autuações. “A fiscalização já está na rua realizando suas atividades, bem como as ações integradas, então reiteramos que todos os estabelecimentos deverão cumprir as normas sanitárias, senão estarão sujeitos a penalidades”, disse.

Além dos 16 estabelecimentos já citados, a fiscalização fechou duas tabacarias (Batel e Alto da XV), dois comércios varejistas de bebidas (Batel), e uma lanchonete (Batel).

Segundo o decreto de bandeira laranja publicado nesta sexta-feira (27), bares e casas noturnas não podem abrir. Já restaurantes e lanchonetes não podem abrir depois das 22 horas.